Werley e Adriano dependem de exames, mas podem ficar de fora das Oitavas da Libertadores

20 de abril de 2013 - Às 16:33

Na partida diante do Huachipato, o Grêmio teve duas baixas no time devido a lesões. Adriano saiu ainda no primeiro tempo, e Werley que sentiu a coxa, saiu quase no fim do jogo, mostrando garra ao brigar pela bola mesmo mancando.

Uma reavaliação foi feita pelo médico Márcio Bolzoni.
Em relação ao Zagueiro Werley, a recuperação é de no mínimo 3 semanas.
— Preocupa pelas características dos sintomas que ele apresentou, e tudo leva a crer que é uma lesão de grau dois, e que se prevê em torno de três semanas de recuperação. Mas o certo é que vamos começar a definir a partir do exame de ressonância que será feito amanhã. É na parte de baixo da coxa perto do joelho — avaliou.
Por outro lado, o caso de Adriano é um pouco mais complicado e deverá ficar mais de 1 mês em recuperação, devido ao problema ser no joelho:
— O Adriano rompeu o colateral medial que é o ligamento do lado interno do joelho, e isso com certeza tem um prognóstico de mais de 30 dias de recuperação — afirmou o médico.
Porém, novas avaliações serão feitas, mas se as expectativas do médico se confirmarem, ambos deverão ficar de fora das partidas contra o Santa Fé, pelas Oitavas da Libertadores.
Informações adaptadas ZeroHora.


Veja também