Em um momento de aflição no mundo em razão da pandemia do coronavírus, Victor Ferraz busca deixar uma mensagem positiva em que se apegar. O lateral-direito do Grêmio valoriza a união do povo e o trabalho dos médicos e outros profissionais da área de saúde para ajudar as pessoas a evitar que o contágio alastre-se ainda mais.

Na última sexta-feira, Victor Ferraz, assim como o restante do elenco do Grêmio foi ao CT Luiz Carvalho. Apesar de o Tricolor estar com as atividades paralisadas, os jogadores passaram por exames e foram vacinados. O carinho e atendimento recebidos comoveu o atleta.

– Período difícil, né? Tem o vírus que tem assolado a população. Mas tento olhar as coisas pelo lado bom. O lado bom é a união da população. Vejo muitos exemplos de humanidade. Como os profissionais da saúde têm trabalhado bem, se doado pela população. Que possamos unir e pedir em oração a Deus que o vírus possa sumir, e possamos voltar às atividades normais, perder menos pessoas no mundo. É importante sentir a dor do próximo, de não pensar só em nós mesmos. Mesmo nas situações mais difíceis, temos que tirar coisas boas – diz.

Victor Ferraz passou por exames e foi vacinado no Grêmio — Foto: João Víctor Teixeira

Victor Ferraz passou por exames e foi vacinado no Grêmio — Foto: João Víctor Teixeira

Devido ao coronavírus, na última quarta-feira a Conmebol ampliou a suspensão da Libertadores. Antes, a competição estava parada até o dia 21 de março, mas agora tem volta marcada apenas para 5 de maio. O Gauchão segue paralisado até o fim do mês.

Até por isso, o Grêmio, que tem reapresentação marcada para a próxima terça, provavelmente amplie a suspensão das atividades. Até o início da tarde deste sábado, o Brasil registrava 1000 casos de pessoas contaminadas com o coronavírus pelo Ministério da Saúde e 905 pelas secretarias de saúde, e 12 mortes por conta da Covid-19. No Rio Grande do Sul, há 56 casos já confirmados.



Veja também