Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O Grêmio espera contar com reforços importantes para os próximos jogos. Segundo o vice de futebol Denis Abrahão, Geromel e Borja devem estar na delegação que viajará a Goiânia para o jogo contra o Atlético-GO. Vanderson e Kannemann, que saíram com dores da partida contra o Juventude, não preocupam.

Após a partida na Arena, o clube informou a situação dos jogadores no departamento médico. Geromel iniciou trabalho físicos no gramado, mas ainda não utilizou chuteira nas atividades. Borja ainda segue aos cuidados da fisioterapia, mas vai iniciar a transição para os treinos da parte física. Léo Pereira também está no mesmo protocolo que o centroavante.

O problema de Vanderson é no pé direito. O lateral sofreu dois pisões no primeiro tempo, reclamou das dores e deixou o campo na segunda etapa. Apesar do problema, Vanderson inicialmente não será desfalque para a sequência de jogos. Não há previsão de realização de exames.

Sobre a situação de Geromel, Denis Abrahão revelou que o zagueiro passou o domingo com o restante do grupo de jogadores. Um exame realizado na quinta-feira mostrou que o jogador estava com a fratura sofrida no pé direito curada e pronto para voltar aos treinos.

– Geromel também disse que não aguentava mais. Estava na concentração, almoçou conosco e participou da palestra. Em breve estará de volta – comentou, antes de citar o caso de Borja:

– Borja está com alto astral, está louco para voltar. Cheio de vontade. Plenamente integrado, é mais uma opção que queremos dar imediatamente ao Mancini. Acredito que deve ir para Goiânia.

Com os retornos do departamento médico, o Grêmio deve ter apenas o desfalque de Lucas Silva para a viagem a Goiânia. O volante recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Juventude e terá que cumprir suspensão. Ruan, que ficou de fora do jogo contra o Juventude por ter levado o terceiro amarelo, está liberado e fica à disposição para o jogo contra o Atlético-GO na próxima segunda-feira, às 20h.

Vanderson reclamou de dores no pé direito  — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Vanderson reclamou de dores no pé direito — Foto: Lucas Uebel/Grêmio



Veja também