Vice-artilheiro do Grêmio no ano, Pepê em breve irá superar o número de gols do ano passado em menos tempo. O atacante soma 12 gols em 33 jogos até o momento. Em 2019, foram 13 bolas na rede ao longo de 51 partidas.

As estatísticas mostram que Pepê evoluiu a média de 0,25 gols por jogo para 0,36 em um ano. O auge na carreira está diretamente ligado à saída de Everton Cebolinha para o Benfica.

A substituição deu tão certo que o novo titular da ponta esquerda gremista é fundamental para o esquema de Renato Portaluppi. Por este motivo, a direção negou uma proposta de quase R$ 100 milhões do Porto para levá-lo imediatamente à Europa.

  • Pepê em 2019: 51 jogos, 13 gols (média de 0,25 gol por jogo).
  • Pepê em 2020: 33 jogos e 12 gols (média de 0,36 gol por jogo).

Apesar de todos os números favoráveis, Pepê jamais balançou as redes na Copa do Brasil. A nova oportunidade aparece na quarta-feira. O Grêmio faz o segundo jogo das quartas de final da competição contra o Cuiabá, na Arena. De quebra, ele pode igualar os gols marcados em 2019.

Na posição? Renato esconde

No último sábado, Pepê marcou o segundo gol da vitória de 4 a 2 contra o Ceará, na Arena, pelo Brasileirão. A novidade, contudo, foi a movimentação do jogador, que ficou livre para adotar postura semelhante à de Everton em seus últimos momentos pelo Grêmio.

Em 2020, o Cebolinha ganhou liberdade para “flutuar” na zona próxima à área adversária. Ou seja, não ficava mais restrito ao lado esquerdo do ataque. Escapava da marcação em movimentos pelo meio e também na direita.

Pepê marcou o segundo gol do Grêmio contra o Ceará pelo Brasileirão — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Pepê marcou o segundo gol do Grêmio contra o Ceará pelo Brasileirão — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

— Não vou falar o que a gente faz para não alertar o adversário. Sempre falam que o Grêmio tem o mesmo esquema. As pessoas acham que o Grêmio evoluiu da noite para o dia, varinha mágica. Mudamos o esquema de jogo com a liberdade que dou. Não notaram ainda. Temos mudado características de alguns jogadores e tem dado certo — desconversou o técnico Renato Portaluppi.

O jogo contra o Cuiabá, pelas quartas de final da Copa do Brasil, está marcado para as 16h30 de quarta-feira, na Arena. Após vencer por 2 a 1 no Mato Grosso, o Grêmio garante classificação com empate. Se perder por um gol de diferença, a decisão vai para os pênaltis. Em caso de derrota por dois gols, é eliminado.



Veja também