Confira abaixo as falas do técnico Renato Portaluppi após a vitória sobre o Inter nesta quarta pela Libertadores.

“O Grêmio não se encontra numa fase ótima. Mas muita gente continua insistindo em falar que nossa fase é horrível. Eu queria saber onde é horrível”

“O que acontece é aquilo que eu sempre falo para o meu grupo. Muita tranquilidade, muita confiança, a gente não desaprendeu a jogar”

“As coisas ruins que chegam lá de fora não entram aqui, não deixo entrar. Mais uma vez, o grupo deu essa resposta. O grupo sempre foi fechado, vai continuar fechado e vai trabalhar para buscar os melhores resultados”

“Muita gente não fala, o Grêmio está há dez Gre-Nais sem perder. Quatro empates e seis vitórias”

“Algumas pessoas da imprensa do Rio Grande do Sul tem que parar de ser mal-educadas. Os jogadores são seres humanos, eles têm família”

“Vocês (da imprensa) vão continuar sofrendo. Tirem a camisa do Internacional amassada e ponham de novo no armário.”

“O que falar do nosso rival que está há quatro anos sem ganhar nada? Essas pessoas precisam ter respeito”

“Agradeço às manchetes que vocês nos deram hoje. Que o Internacional ia nos amassar, que o Internacional ia sufocar o Grêmio, que ia ser o Gre-Nal do ano, que o Internacional ia atropelar a gente”

“Nunca vai faltar vontade no meu grupo. O Grêmio sempre joga para ganhar. Isso é o Grêmio.”

“Não tem segredo ganhar do Inter. É trabalho e confiança no meu grupo.”

“Marcamos pressão, não deixamos o adversário jogar e ganhamos a partida. Isso é o Grêmio. Tem pessoas que tem que tirar a camisa do Inter para comentar. Não levem para o coração, porque se levar para o coração, mais eu vou motivar meu grupo.”

“Hoje, mais uma vez, foram mal-educados (imprensa). Vocês tem que ter uma consciência, tem que ser profissionais. Vocês falaram que o Internacional ia amassar o Grêmio”

…para parte da imprensa: “Amanhã, não fiquem com vergonha, não. Repitam o que falaram hoje. Abram o paletó e podem mostrar a camisa do Internacional por baixo. O sofrimento é grande, e vocês continuarão sofrendo. Podem ter certeza disso”

“A gente sabe que precisa melhorar. Mas aí ninguém é bom. Os jogadores são ruins, a comissão técnica não presta, a diretoria não presta. Que isso, gente?”

“Ontem, ninguém era bom. Amanhã, as manchetes vão falar, e tem que falar, que o Grêmio atropelou, foi muito melhor, teve as melhores oportunidades, e ganhou. Mais um clássico na casa do adversário com uma grande exibição”

“Não tem segredo (para ganhar do Inter), é trabalho. É confiança total que eu tenho no grupo do Grêmio”

“O Grêmio está ganhando praticamente quase que tudo há quatro anos. E por causa de dois ou três jogos, todo mundo passou a não saber mais nada, não conhecer futebol. A gente adora quando vêm essas críticas, que vem do coração, não da cabeça”

“Não tem segredo (para ganhar do Inter), é trabalho. É confiança total que eu tenho no grupo do Grêmio”

“Até esses dias, todo mundo estava falando que o Grêmio estava correndo pouco, estava cansando. Hoje, o Grêmio deu mais uma demonstração do preparo físico”

“Nunca vai faltar a vontade do meu grupo, aquele tesão. Sempre vai haver a vontade de ganhar. Não é porque é Gre-Nal”

“Tem pessoas que tem que parar de dar opinião com a camisa do Inter por baixo. Eu respeito, mas sejam profissionais. Não levem para o coração, não. Porque cada vez que levarem para o coração, estão motivando meu grupo”



Veja também