Técnico na Recopa Gaúcha valoriza experiência dada a jovens pelo Grêmio em decisão

Thiago Gomes fala sobre disputa do título com o Pelotas, neste domingo, às 16h, com o time de transição

19 de janeiro de 2020 - Às 09:13
Foto: Eduardo Moura

O domingo será já de disputa de título para o Grêmio. Mas ao olhar para o gramado da Boca do Lobo, o torcedor gremista não encontrará Geromel, Kannemann ou Maicon. O time de transição, formado por jovens em ascensão nas categorias de base, fará o duelo com o Pelotas, às 16h. O técnico Thiago Gomes valoriza a oportunidade dada aos garotos.

A equipe será muito semelhante ao time utilizado contra o Goiás, na última rodada do Brasileirão. A provável escalação tem Brenno; Felipe, Ruan, Rodrigues e Guilherme Guedes; Darlan, Varela, Jhonata Robert, Patrick e Ferreira; Isaque. Os garotos terão a chance de viver a briga por um título profissional pela primeira vez.

– Acima de tudo é uma grande oportunidade, uma competição valorizada no Rio Grande do Sul. Com título ou sem título, tomara que com, vamos ter um grupo de atletas muito mais preparado. Essa experiência é o mais importante. Claro que quero o título, todos queremos, mas o processo de formação neste momento é muito importante também. Vamos proporcionar para o grupo uma vivência única, que é jogar uma decisão profissional. Vai ser decisivo para a temporada deles com o Renato – destacou Thiago Gomes.

Thiago Gomes e o grupo de transição do Grêmio — Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio

Thiago Gomes e o grupo de transição do Grêmio — Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio

A categoria teve uma temporada com bons resultados em 2019. O sub-23 gremista chegou na final do Brasileirão de Aspirantes, mas perdeu o título para o rival Inter. Muitos dos jogadores daquele time estivam em campo na conquista da Copa RS Sub-20, como Jhonata Robert, Varela, Felipe e Ruan, entre outros. Os garotos têm como objetivo, claro, chamar atenção da comissão técnica do time profissional.

– Todo o suporte que a direção nos dá para desenvolver o atleta nos deixa em condições de estar preparados para o profissional. A equipe viveu uma grande temporada. A relação com o Renato é mais no dia a dia. E ele tem toda a vivência, a experiência, o conhecimento para dar a lapidada final, que sempre precisa. O jogo do profissional ainda é diferente da transição – resume.

No grupo sub-23, as mesmas regras do vestiário profissional são aplicada. Por exemplo, em caso de atraso, o jogador paga uma multa para a “caixinha” coletiva. Os valores, claro, são diferentes do elenco principal. Mas a ideia é justamente aproximar ao máximo, dentro e fora de campo, as duas realidades.

A partida contra o Pelotas ocorre às 16h deste domingo, na Boca do Lobo, com transmissão da RBS TV e Sportv. Após a decisão, o GloboEsporte.com transmite ao vivo a festa dos campeões, além das entrevistas com técnicos e jogadores dos dois times.



Veja também