Sem reforços, sem milagres

30 de abril de 2011 - Às 01:30

Renato diz que precisa de reforços e que não é possível fazer milagres

Jonas, Fábio Santos e Paulão deixaram o Grêmio. André Lima lesionou-se. Mais recentemente, Lúcio e Victor também foram parar no departamento médico. Com tudo isso, Renato Gaúcho perdeu entre 50 e 60% do time base de 2010.

Ao falar do GRE-NAL do próximo domingo, Renato falou que o Inter não teve perdas significativas como o Grêmio:

– O Inter trouxe alguns reforços e manteve a base do ano passado. Não estou aqui dando desculpa, mas se você pegar o Grêmio do ano passado e o Grêmio atualmente, perdemos de 50 a 60% do time. E o Grêmio já era criticado antes. Quando você perde 50 a 60% do time, fica difícil – comparou.


Renato falou mais:
– O que eu posso falar para vocês é que o Grêmio vai ser forte no Brasileirão, estamos correndo atrás dos reforços, a diretoria está se mexendo. Mas isso é somente para o Brasileiro. O que temos para a Libertadores e o Gauchão é este grupo aqui. Não adianta ficar se lamentando, não adianta achar que os milagres vão acontecer a toda hora. Mas no Brasileiro sim, aí vocês podem me cobrar, e cobrar a diretoria. Infelizmente será só no Brasileiro, não será para agora – justificou.


Renato lembrou que em 2008, chegou a Final da Libertadores com o Fluminense, e no ano seguinte, quase foi rebaixado.


***
Renato, que tal dar moral para o time que você tem em mãos? Um bom treinador começa pelo menos assim!



Veja também