Foto: Gabriel Mansur

Com apenas um braço, o jovem goleiro de 16 anos, Emanoel Barbosa, ou Emanuel Buffon, como é conhecido, ficou famoso após ser destaque em um campeonato de base, disputado no bairro onde mora, Colônia Antônio Aleixo.

O atleta é gremista e fã de carteirinha do goleiro Marcelo Grohe, capitão do Grêmio, o Imortal Gaúcho. Ele até reproduziu a defesa histórica que o arqueiro fez no jogo contra o Barcelona-EQU, pela semifinal da Libertadores de 2017

“Eu amo muito o Grêmio. Ainda mais porque tem o goleiro Marcelo Grohe, que é a minha inspiração e o amo demais também. Amo as defesas dele”, Emanoel Barbosa, goleiro e fã de Marcelo Grohe.

Essa paixão pelo Grêmio surgiu em 2017, no primeiro jogo da semifinal da Libertadores diante do Barcelona de Guayquil-EQU. O Tricolor vencia o jogo por 2 a 0, quando Ariel Nahuelpán teve a chance de descontar para os equatorianos, mas, debaixo da trave, viu Marcelo Grohe fazer uma defesa impressionante.

– Essa paixão pelo Grêmio surgiu depois do jogo pela Libertadores, contra o Barcelona de Guayaquil, depois que eu vi uma defesa do Marcelo Grohe. O jogador estava quase dentro do gol e ele conseguiu tirar a bola. Eu fiquei de boca aberta. Não é qualquer goleiro que consegue tirar uma bola dessa – falou Emanoel.

Defesa espetacular de Grohe em chute de Ariel, do Barcelona de Guayaquil, nas semis da Libertadores de 2017 — Foto: reprodução/vídeo

Defesa espetacular de Grohe em chute de Ariel, do Barcelona de Guayaquil, nas semis da Libertadores de 2017 — Foto: reprodução/vídeo

Após surpreender com boas atuações no campeonato do seu bairro, onde na final pegou duas penalidades, o amazonense contou que ficaria muito feliz e surpreso caso Marcelo Grohe o mande algum recado, ou até mesmo conheça a sua história.

– Eu não sei o que faria. É um goleiro que eu amo muito. Com certeza tiraria várias fotos com ele e talvez ficaria até sem palavras. Isso aumentaria meu amor pelo Grêmio. É meu sonho (conhecer Marecelo Grohe) – completou, ao falar com emoção sobre o goleiro do Grêmio.

“Buffom” de Manaus

Apesar de ter nascido sem o braço esquerdo, em decorrência de uma doença congênita, Emanoel é o goleiro titular do 3B, time amador sub-15 do bairro Colônia Antônio Aleixo, Zona Leste de Manaus. O manauara nem sabe o nome ou o motivo da deficiência.

Mas pode-se dizer que as dificuldades começam antes de entrar em campo, como colocar luvas ou meias e calçar chuteiras. Ele acostumou-se a superar obstáculos.

Se a limitação poderia ser um obstáculo, Buffon sabe contornar bem. Foi titular em todas os jogos do Campeonato de Base Carlos Silva e pegou duas cobranças na disputa por pênaltis – após empate em 2 a 2 no tempo normal – pela final da categoria, contra o Juventude. Ainda assim terminou vice-campeão



Veja também