Seca: Luan não marca há oito jogos e vê pressão aumentar

Jogador tem cinco gols em 21 jogos no ano e não marca desde o dia 3 de Abril

19 de maio de 2016 - Às 06:29
Foto: Eduardo Moura
Foto: Eduardo Moura

O atacante Luan passa por um período de seca que ainda não tinha passado durante sua carreira profissional no Tricolor. Durante os últimos anos, o jogador chamou atenção de clubes europeus e fez o Grêmio recusar propostas milionárias, mas atualmente suas atuações não condizem com o seu melhor momento.

São 46 dias sem fazer gol. A última vez em que balançou as redes foi na primeira fase do Gauchão, quando marcou gol de falta na Arena no empate de 2 a 2 com o Juventude, em 3 de Abril. Ou seja, são oito gols sem marcar. E o pior de tudo: com atuações discretas, sem impressionar.

Ex-jogadores do clube relatam que o jogador sofre muita pressão externa, da torcida por exemplo, que o cobra por grandes atuações. Como foi um dos destaques do time nas últimas temporadas, a carga em cima de Luan para decidir os jogos cresce e a medida em que isso não ocorre, a pressão sobre ele aumenta.

Até agora em 2016 são cinco gols marcados em 21 jogos, média de 0,5 por jogo.



Veja também