Antes encaminhadas, as negociações entre Santos e Grêmio pelo meia Thaciano pegaram outro rumo. A nova punição da Fifa ao Peixe fez o clube abrir mão do jogador. O Tricolor mantém conversas com outras equipes para negociá-lo.

O Grêmio já havia aceitado as condições propostas pelo Santos para negociar Thaciano. O meia iria para a Vila Belmiro por empréstimo até maio de 2021 com obrigação de compra e preço fixado em 1,7 milhão de euros (cerca de R$ 10,6 milhões).

Enquanto negociava com o Grêmio, porém, o Santos recebeu mais uma punição da Fifa que o proíbe de contratar. Agora, além de pagar o Hamburgo, da Alemanha, pela compra de Cleber Reis, o Peixe precisa se acertar com o Huachipato, do Chile, pela contratação de Soteldo. Por isso, as conversas esfriaram.

Thaciano estava perto de ir ao Santos — Foto: Lucas Bubols/GloboEsporte.com

Thaciano estava perto de ir ao Santos — Foto: Lucas Bubols/GloboEsporte.com

O Grêmio, por outro lado, garante que mantém negociações em andamento com outras equipes pelo meio-campista. Thaciano tem ficado fora dos jogos e não é relacionado para uma partida há um mês, desde o empate com o Vasco, no dia 23 de agosto.

Pelo Brasileirão, Thaciano já disputou cinco jogos. Se completasse sete partidas, não poderia se transferir para outro clube da Série A.

— Thaciano é um grande jogador, cobiçado. Existem negociações com três ou quatro opções, negócios bem encaminhados, mas ainda não concluídos, que podem ser confirmados ali na frente — garantiu o vice de futebol do clube gaúcho, Paulo Luz.

O Grêmio também quase envolveu Thaciano em uma negociação com o Athletico pelo volante Wellington. Mas não houve acerto do meio-campista com o Furacão.



Veja também