Ronaldinho será recebido com civilidade e será homenageado no Olímpico

25 de outubro de 2011 - Às 00:44
Em 2001 Ronaldinho Gaúcho trocou o Grêmio pelo francês PSG, em tumultuada negociação que foi parar na Fifa em razão da divergência entre o atleta e o clube que o revelou; dez anos depois houve uma reaproximação: o presidente Paulo Odone abriu negociações para contratar o craque, de saída do Milan, mas ele acabou vestindo a camisa do Flamengo. E a iminente reconciliação transformou-se em mágoa ainda maior para os gremistas.
Globoesporte.com

TRAÍRA. Assim é Ronaldinho gaúcho agora para os gremistas. Neste domingo, uma pequena vingança, bom uma ÓTIMA RECEPÇÃO no Olímpico será feita. Não me importo com o resultado do jogo, o Grêmio não briga por mais nada no Brasileirão, apenas me importo com a Homenagem a ser feita.



Veja também