Félix Zucco / Agencia RBS

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr., se manifestou após as declarações de Ferreira, atacante que, desde antes da paralisação pelo coronavírus, encontra-se em litígio judicial por divergências com o clube. No isolamento social e por videoconferência, Ferreira deu entrevista polêmica ao jornalista Jorge Nicola, onde falou que, se pudesse, acionaria inclusive dirigentes na Justiça

Romildo evitou se aprofundar no tema, mas não deixou de responder. Destacou que o clube não faria nenhuma manifestação sobre as falas, e que todas as ações de parte a parte estão na ação judicial. “O Grêmio e a instituição são muito maiores que uma discussão pública e aquilo que teremos que enfrentar daqui pra frente”, resumiu.

Retomada dos treinamentos

O Grêmio ainda aguarda para saber quando retomará os treinos. A previsão de retorno das atividades na segunda-feira, conforme previsão inicial, ainda aguarda reunião com a Federação Gaúcha de Futebol (FGF) nesta quinta-feira, e também a decisão das autoridades sanitárias.

De acordo com o presidente Romildo Bolzan Jr., ainda não há uma definição, mas ela só será tomada após autorização e liberação das autoridades responsáveis. O presidente garantiu, ainda, que caso haja possibilidade de retorno, todas as recomendações e medidas de prevenção da saúde serão respeitadas pelo clube, atletas, e comissão técnica



Veja também