Foto: Fabiano do Amaral

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior, não escondeu dos microfones sua indignação com a atuação gremista no clássico Gre-Nal 435, que terminou em vitória do Inter, por 1 a 0, na noite desta quarta-feira, no estádio Beira-Rio. Segundo o mandatário, a perfomance lhe deixou assustado, no que classificou como “o pior Gre-Nal” de sua vida.

“Nós jogamos muito mal hoje. Jogamos pessimamente. Se tu olhares esse jogo de hoje, vai dizer: Vamos começar tudo de novo. O pior Gre-Nal da minha vida. Nunca vi o Grêmio em um clássico desta forma. Isso serve para corrigir, ajustar. O departamento de futebol está fazendo isso. Vamos buscar. O mercado tá restrito. Esse jogo assusta. Não vamos esconder da torcida, que nos incentivou durante todo momento. É isso que iremos precisar, esse apoio no final do jogo”, afirmou em coletiva.

Apesar das fortes palavras, o ambiente não é de terra rasada. Romildo entende que a forte derrota – em perfomance – pode servir para o Tricolor corrigir os rumos e ir ao mercado se reforçar. “Hoje foi um fracasso, um insucesso tremendo. Acreditamos nos jogadores. Vamos passar por isso trabalhando. Não tem terra rasada. Podemos sim ir ao mercado, temos condições de fazer investimento, temos crédito”, sintetizou.



Veja também