Bolzan representa o Brasil na diretoria da Liga Sul-Americana de clubes

Encontro entre representantes de vários clubes ocorreu nesta terça em Montevidéu

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior representa o Brasil na diretoria da Liga Sul-Americana de clubes. O mandatário Tricolor possui o cargo de primeiro vice conforme foi estipulado em reunião que ocorreu em Montevidéu. O presidente do Boca Juniors, Daniel Angelici é o mandatário principal.

A Diretoria da Liga Sul-Americana conta também com representante do Deportivo Cali como segundo vice, um do The Strongest como terceiro vice e outro da Universidade de Chile como tesoureiro. O estatuto foi assinado por 34 clubes na tarde desta terça.

Uma das primeiras grandes reivindicações da Liga Sul-Americana de Clubes junto à Conmebol será uma redistribuição dos recursos ganhos com patrocínios das competições. Dos cerca de US$ 140 milhões que a entidade arrecada, apenas US$ 100 milhões são distribuídos em premiações. Os clubes querem saber para onde vai o restante.

O Grêmio foi um dos clubes pioneiros em criar a Primeira Liga, aqui no Brasil com intuito de promover mudanças e melhorias no futebol brasileiro junto a CBF.



Veja também