Roger projeta mata-mata com Grêmio focado: “A gente amadureceu bem”

Técnico Roger lembrou da classificação com boa pontuação em grupo difícil e dois jogos na altitude

20 de abril de 2016 - Às 06:23
Foto: Eduardo Moura
Foto: Eduardo Moura

O Grêmio venceu o Toluca por 1 a 0 nesta terça-feira e alcançou uma boa pontuação como segundo colocado, podendo assim, ter escapado de adversários mais complicados, pelo menos na teoria. Segundo o técnico Roger, o time já está amadurecendo na competição e justamente no momento decisivo: quando começa o mata-mata.

– Eu acredito que a gente vive um momento de crescente dentro da Libertadores nessa primeira fase classificatória. O somatório dos pontos permitiu a gente classificar bem num grupo difícil, com dois jogos na altitude, equipes fortes. Conseguimos suportar bem, temos margem para evoluir. A gente amadureceu bem. A partir de agora é mata-mata, e a gente sabe do histórico do clube neste tipo de competição e sabemos que o Grêmio gosta dessa eliminatória – disse Roger após a partida diante do Toluca.

O Grêmio fez seu gol logo com 15 minutos e na etapa final viu os mexicanos voltarem mais ofensivos, porém sem criar grandes oportunidades. O Tricolor até poupou alguns jogadores, tendo feito as 3 substituições antes da metade da etapa complementar.

– Não tenho como administrar a partida em 1 a 0. Eu tenho que jogar o jogo em vista do placar mínimo. E o adversário voltou (do intervalo) pressionando. Em muitas vezes, entregamos a primeira ou segunda bola, e eles vieram para cima. Mas conseguimos suportar. Quase não fomos agredidos. Depois, coloquei jogadores descansados justamente para que outros pudessem se poupar para quinta – acrescentou.



Veja também