Roger Machado pede demissão do Grêmio

Treinador pediu demissão após a derrota para a Ponte Preta

14 de setembro de 2016 - Às 23:46
Foto: Daniel Vorley/AGIF/Agência Lancepress!
Foto: Daniel Vorley/AGIF/Agência Lancepress!

A má fase do Grêmio no Brasileirão teve vítimas. Após a derrota desta quarta-feira para a Ponte Preta por 3 a 0, o técnico Roger Machado saiu do comando técnico da equipe.

Após o encerramento do jogo, o técnico Roger não compareceu a entrevista coletiva. A comissão técnica esteve em reunião com a diretoria do clube.

O presidente Romildo Bolzan anunciou a saída do treinador por volta das 23h46. O presidente Tricolor afirmou que o treinador pediu a demissão e que não era o desejo da diretoria. Os membros da diretoria tentaram fazer com que Roger mudasse de ideia quanto a seu pedido, porém o treinador preferiu sair do clube.

– Estamos comunicando que o Roger pediu demissão em caráter irreversível, situação dele. Estamos reafirmando que não era o desejo da direção, mas fez isso em caráter de contribuição e autoavaliação. Acha que não tem muito mais a oferecer ao plantel. Mais do que uma situação de saída, foi uma posição de dignidade como profissional – disse Romildo.

Contratado em maio de 2015, Roger Machado deixa o Grêmio após 93 partidas à frente da equipe, com 48 vitórias, 21 empates e 24 derrotas. O aproveitamento é de 59%.



Veja também