Roger divulga nota de despedida do Grêmio: “Estarei muito na torcida”

Treinador esteve no comando da equipe por 16 meses e teve 59% de aproveitamento em 93 jogos

15 de setembro de 2016 - Às 17:39
Foto: Guilherme Testa
Foto: Guilherme Testa

O técnico Roger Machado se manifestou pela primeira vez após pedir demissão do Grêmio. O treinador acabou deixando o clube após a derrota para a Ponte Preta nesta quarta-feira. Veja abaixo a nota oficial de Roger Machado:

“Me despeço do Grêmio após 16 meses de trabalho, por uma decisão profissional. Saio com a certeza de que procurei fazer o meu melhor. Entretanto, já não o suficiente para este momento.

Acredito que este grupo possa seguir desempenhando o seu melhor futebol que em momentos recentes demonstrou, mas agora sob a responsabilidade de outro profissional.

Saio triste e também frustrado por não ter conquistado títulos no Grêmio, mas ao mesmo tempo feliz por ter conseguido implantar um trabalho que foi pautado em valores, considerados por mim, importantes para o futebol

Agradeço ao presidente Romildo e demais dirigentes do clube pela oportunidade e crédito. Aos funcionários, o meu muito obrigado também. Aos atletas, meu carinho, admiração e agradecimento pelo esforço e dedicação, com a esperança que o meu trabalho e o da minha comissão possa ter agregado valor a todos vocês. Ao torcedor, obrigado pelo apoio e tenham certeza que compreendo cada aplauso ou vaia, afinal o futebol é movido também pela paixão.

Que o Grêmio continue seu caminho de conquistas. Estarei muito na torcida,

Obrigado.”

O Grêmio segue buscando definir o novo técnico. Para o jogo de domingo, o interino Jaimes Freitas assumirá a equipe diante do Fluminense, às 16h na Arena.



Veja também