Roger celebra vitória no clássico sem sofrer gol: “gera maior confiança”

Treinador admitiu que adversário foi melhor no segundo tempo, mas Tricolor venceu no detalhe

3 de julho de 2016 - Às 15:09

roger grenal

Na entrevista coletiva após a vitória no clássico deste domingo, o técnico Roger evitou a euforia e comentou que o jogo foi decidido no detalhe e celebrou uma vitória histórica: a primeira fora de casa desde a reinauguração do Beira-Rio.

A vitória no clássico dá ainda mais ânimo para a sequência da competição:

– Sem dúvidas, é um tijolo a mais na construção. Vencer clássico sempre é bom. Na casa do rival, melhor ainda. Vencer clássico atuando bem e não sofrendo gols, fazendo história… Essa foi a primeira vitória no Beira-Rio novo. Não é só para o torcedor. Tem um impacto muito bom para nosso grupo. Não sofrer gols gera segurança e confiança dos nossos jogadores. O receio é sofrer com a bola parada. Hoje (domingo), não entrou. Defendemos bem, as alterações nos deram consistência. Vencer já é bom, mesmo que a diferença seja apertada, com o placar zerado, gera maior confiança – afirma o treinador, sempre em tom sereno.

O técnico viu um duelo equilibrado já que o Tricolor foi melhor na etapa inicial e o time da casa pressionou na etapa final. Sobre a polêmica de Argel sobre o ‘trator’, o treinador apenas comentou que os jogadores usaram isso:

– Os atletas recebem isso. É inegável, mas eu não uso. Tenho outros elementos muito mais importantes. O primeiro tempo foi equilibrado e conseguimos o gol. A gente tem que cuidar bem do nosso velhinho (Douglas), porque ele bem descansado é isso que pode nos oferecer, tivemos uma nuance de vantagem. O Inter voltou acelerado, nos empurrou, e a gente passou 10, 12 minutos nos defendendo, até que conseguimos segurar um pouco a bola. Estávamos com pouca retenção de bola. O clássico foi limpo. Esse é o mais bonito – avalia o treinador.

No próximo domingo, o Grêmio recebe o Figueirense na Arena, às 11h.



Veja também