Roger admite sondagem do Corinthians mas afirma que sequer negociou

Treinador reiterou desejo de ficar no Grêmio já que faz trabalho de continuidade no clube

18 de junho de 2016 - Às 11:52
Foto: Lucas Uebel / Grêmio
Foto: Lucas Uebel / Grêmio

Após o confronto com a Chapecoense, especificamente na quinta-feira, houve a notícia de que o Corinthians estava interessado e que sondou o técnico Roger oferecendo até o dobro do salário. O técnico Gremista, no entanto, recusou a proposta dos paulistas.

O treinador confirmou que houve interesse do time paulista, mas foi apenas uma conversa informal:

“Aconteceu uma consulta informal do Corinthians no meu agente, mas não foi levada adiante. Como as especulações foram fortes, fiz questão de negar a sondagem e manifestar meu interesse de ficar no Grêmio”, disse Roger.

O técnico afirmou o desejo de um trabalho de continuidade no clube:

“Todos nós treinadores no Brasil reclamamos muito da questão da continuidade do trabalho. Depois de duas eliminações duras que ocorreram no estadual e na Libertadores, a direção entendeu que o melhor era a continuidade no trabalho. Em função disso entendo que a decisão foi tomada reforçando esse discurso”, disse.



Veja também