O Grêmio entra em campo neste sábado, a partir das 21h, para enfrentar o Bragantino com o objetivo de repetir a boa atuação apresentada na Copa do Brasil e somar pontos importantes na fuga do rebaixamento na Série A. Para a partida, a esperança de gols recai sobre Ricardinho, que tem a responsabilidade de substituir o artilheiro do time na temporada, Diego Souza.

O jovem atacante voltou a marcar depois de uma seca de 13 jogos sem balançar as redes adversárias. Além do gol, ele distribuiu uma assistência no triunfo contra o Vitória, por 3 a 0, no meio de semana.

Depois de acabar com o jejum pessoal, Ricardinho agora vai atrás do 10º gol na temporada, feito que superaria o número atingido em 2020, quando estava no sub-20 do Grêmio.

A atuação destacada na última terça-feira também serve para o garoto de 20 anos arrefecer a pressão sobre ele. No empate em 1 a 1 com o América-MG, na rodada passada, ele perdeu duas chances reais de gol que poderiam dar uma vitória valiosa aos tricolores.

Ricardinho é abraçado por companheiros após marcar contra o Vitória — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Ricardinho é abraçado por companheiros após marcar contra o Vitória — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Alvo de cobranças nas redes sociais pelos erros, o jogador vê também a direção ir ao mercado para reforçar o ataque. Iniciou conversas com Pedro Rocha e Borja. De qualquer forma, Ricardinho segue como a única opção de área para o técnico Felipão. Diego Souza e Churín estão no departamento médico.

– Centroavante é isso, sabemos que vive de gols. Se acabar fazendo algumas partidas sem gols, vai ser criticado, é normal, a torcida tem o direito e tem que cobrar. Estão certos – afirma um consciente Ricardinho.

Neste sábado, o Grêmio, que possui o pior ataque da competição, enfrenta o Bragantino, segundo melhor. Até por isso, o jogador acredita em uma postura reativa e cobra uma maior eficiência ofensiva quando surgir as oportunidades.

– Estamos nos dedicando muito nos treinos para fazer o máximo e chegar bem preparados. (O gol) Foi para sair a “zica”, vinha de uma fase não muito boa. Espero que as coisas comecem a dar certo para sairmos o mais rápido possível de lá de baixo – comenta o atacante.

Time encaminhado

Na sexta-feira, o técnico Luiz Felipe Scolari comandou o último treino em Atibaia, no interior de São Paulo. Na atividade tática, ficou praticamente confirmada a escalação com os retornos de Geromel na zaga e Victor Bobsin e Fernando Henrique no meio. O ataque será mantido com Alisson, Léo Pereira e Ricardinho.

Provável Grêmio: Gabriel Chapecó; Vanderson, Geromel, Ruan e Bruno Cortez; Fernando Henrique, Victor Bobsin e Jean Pyerre; Alisson, Léo Pereira e Ricardinho.

Grêmio e Bragantino se enfrentam a partir das 21h deste sábado no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, pela 14ª rodada do Brasileirão. O Tricolor é o penúltimo colocado com sete pontos.



Veja também