Mesmo com Villasanti de volta, Thiago Santos pode ganhar sequência no time do Grêmio no confronto de segunda-feira contra o Sport, na Arena de Pernambuco. Um dos jogadores mais marcados pela torcida após o rebaixamento, o camisa 5 ressurgiu na equipe com Roger Machado, ganhou elogios pelo comportamento e desempenho em campo e pode ter a chance de confirmar um novo momento no clube.

A retomada do volante de 32 anos começou na goleada por 5 a 0 sobre o Glória, pela Recopa Gaúcha, após quase dois meses sem entrar em campo. Foi no empate contra o Vasco em São Januário, porém, que Thiago Santos teve a chance de estrear na Série B. Não por acaso, um jogo fora de casa, longe das cobranças da torcida pelo passado e o momento conturbado no time.

Thiago Santos ganhou sequência contra o Novorizontino e foi um dos destaques na vitória por 2 a 0 até sair de campo, sob aplausos da torcida. Na entrevista coletiva após a partida, Roger elogiou o jogador e afirmou que ele pode seguir como titular contra o Sport no lugar de Villasanti ou até mesmo formando a dupla de volantes com o paraguaio.

– O Thiago foi muito resiliente desde que eu cheguei aqui. Ele não vivia um bom momento, assim como o time. Alguns jogadores ficaram exclusivamente marcados pelo rebaixamento, e o Thiago foi um deles. Mesmo um jogador experiente como ele, também sente. O Thiago vem fazendo treinos muitos bons. Ele saiu aplaudido de campo (contra o Novorizontino) e penso que ele pode ser utilizado novamente sim. Nos dá uma consistência grande – destacou.

Thiago Santos em treino do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Thiago Santos em treino do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Nas duas partidas em que Villasanti esteve ausente, Thiago Santos deu consistência ao meio-campo gremista. Jogador experiente e que tem a força como uma de suas principais características, ele se encaixa no perfil que a direção traçou para montar o grupo para a disputa Série B.

– O Thiago um jogador talhado para jogar esse tipo de competição – elogiou o vice de futebol Denis Abrahão.

Villasanti se juntou à delegação gremista na noite de sábado, já em Recife. Como ele atuou os 90 minutos no empate do Paraguai com o Coreia do Sul na sexta-feira e encarou várias horas de viagem, é possível que seja preservado em função do desgaste, abrindo caminho para a sequência de Thiago Santos no time.

Roger Machado terá quatro desfalques para o confronto contra os pernambucanos, três deles de jogadores considerados titulares. Com amigdalite, Diego Souza ficou em Porto Alegre e sequer viajou com a delegação. As outras baixas são o goleiro Brenno, com lesão muscular na panturrilha direita, o zagueiro Bruno Alves, em recuperação de Covid-19, e o volante Lucas Silva, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Na tarde deste domingo, a partir das 15h30, o grupo do Grêmio faz o último treinamento antes da partida, no estádio do Arruda, com portões fechados. O confronto contra o Sport ocorre às 20h de segunda-feira, na Arena de Pernambuco, pela 12ª rodada da Série B.



Veja também