Foto: Alexandre Loureiro/BP Filmes

Com uma formação repleta de reservas, o Grêmio passou longe de viver uma atuação vistosa neste sábado, contra o Fluminense, pela 27ª rodada do Brasileirão. Mas venceu por 1 a 0, com golaço de Everton, e correspondeu às expectativas do técnico Renato Portaluppi.

Em entrevista coletiva após o triunfo, o treinador valorizou o resultado, até pelo descrédito colocado por “muita gente” sobre sua equipe. De acordo com o comandante, o gol da vitória surgiu de uma troca pensada por ele para aproveitar a mudança de esquema do Fluminense, de três para dois zagueiros após a saída de Gum, com o ingresso de Everton. Em sua fala, Renato também explicou a opção por iniciar com o autor do gol e Thonny Anderson no banco.

– Eu trouxe exetamente para usá-los no segundo tempo, como aconteceu. Temos um jogo terça-feira. O desgaste é muito grande. Quando vi que o Gum ia sair, chamei imediatamente o Everton. O gol do Everton foi no espaço que a gente ia encontrar. É uma jogada forte, felizmente deu certo. Muita gente não acreditava na nossa equipe altenativa. Falei que o Grêmio vinha buscar a vitória. Não foi um grande jogo. O gramado não ajuda muito. Dei parabéns ao meu grupo. Foi difícil, mas conseguimos uma vitória importante, que nos coloca no topo da tabela – disse o treinador.

Renato ainda encheu Everton de elogios, após o gol de calcanhar anotado no último lance da partida. Além de valorizar o talento de Seleção do atleta, o técnico ainda projetou evolução do atacante na carreira.

– O Everton não é por nada que está na Seleção. Está lá merecidamente. Tem nos ajudado bastante, tem se destacado em todos os sentidos na nossa equipe. Prêmio maior dele foi o reconhecimento do Tite. Tenho certeza qe vai continuar dando alegrias à nossa torcida e à torcida brasileira. É jogador que vive grande momento, com futuro pela frente. Tem 22 anos – ressalta.

Com a vitória no Nilton Santos, o Grêmio chega a 50 pontos no Brasileirão e ocupa momentaneamente a terceira colocação – pode ser ultrapassado por Flamengo e Inter no complemento da rodada. O Tricolor volta a campo na próxima terça-feira, às 21h45, quando enfrenta o Tucumán em casa no jogo da volta das quartas de final da Libertadores. Pelo Nacional, o próximo compromisso está marcado para o sábado, às 21h, contra o Bahia, na Arena, pela 28ª rodada.



Veja também