O técnico Renato Portaluppi parabenizou a preparação física do Grêmio após a vitória contra o Botafogo nesta quinta-feira, na Arena, pela 16ª rodada do Brasileirão. O Tricolor jogou a maior parte do segundo tempo com um a menos, após expulsão de Diego Souza.

Os gaúchos saíram na frente e sofreram o empate ainda no primeiro tempo. Mas logo no início do segundo ficaram novamente na liderança do placar. Aos sete minutos, Diego Souza recebeu cartão vermelho depois do árbitro Luiz Flávio de Oliveira consultar o VAR. Portanto, quase toda etapa final com um a menos. O Grêmio marcou mais um gol e fechou o placar em 3 a 1.

— Parabenizei após a partida. Não é fácil jogar 50 minutos com um a menos, diante de um adversário bem postado em campo, trazendo dificuldades. Conseguimos mesmo assim uma vitória muito boa. De parabéns o Márcio (Meira), preparador físico. Mesmo hoje com 10 homens, o Grêmio correu muito— destacou Renato.

Técnico Renato Portaluppi comanda vitória do Grêmio contra o Botafogo — Foto: Eduardo Moura/ge.globo

Técnico Renato Portaluppi comanda vitória do Grêmio contra o Botafogo — Foto: Eduardo Moura/ge.globo

Nesta noite, o Grêmio teve os retornos de Geromel, Maicon e Alisson, além de Jean Pyerre, que ficou no banco de reservas. Mesmo sem o meia e também o zagueiro Kannemann, o treinador celebrou a volta dos desfalques. Mas não muito, já que prevê mudanças para o próximo jogo.

— (A vitória foi) Um pouco de tudo, a volta do Maicon, outros jogadores importantes. Temos nosso estilo, de vez em quando precisamos arrebentar porque temos muitos jogadores fora ou voltando. Sempre falei que o Grêmio completo é um time forte. Mas daqui três dias estamos em campo de novo. Impossível colocar a mesma equipe — finalizou.

A próxima partida será contra o São Paulo, no sábado, às 21h, no Morumbi, pela 17ª rodada do Brasileirão. Com o resultado, o Grêmio chega à décima colocação, com 20 pontos.



Veja também