Jefferson Botega / Agencia RBS

Grêmio e Caxias se enfrentam no sábado (22), no Estádio Centenário, pela decisão do primeiro turno do Gauchão. Neste século, está será a quinta vez que as equipes se encontram em momentos decisivos do Estadual, seja na final ou em confrontos eliminatórios. Até o momento, o retrospecto do duelo apresenta equilíbrio, com dois triunfos para cada lado.

2000: Caxias de Tite derruba Grêmio de Ronaldinho

Porthus Junior / Agencia RBS
Único título estadual do Caxias foi comemorado no OlímpicoPorthus Junior / Agencia RBS

Em 2000, o Caxias do técnico Tite conquistou o seu primeiro título gaúcho. E o adversário na final foi o Grêmio, treinado à época por Antônio Lopes. Na partida do Centenário, o placar foi de 3 a 0 para a equipe caxiense, com gols de Gil Baiano, Ivair e Márcio. No Olímpico, o Tricolor, que tinha Ronaldinho como destaque, não conseguiu devolver a goleada. Empate em 0 a 0, com direito a pênalti de Ronaldinho defendido pelo goleiro Gilmar Dal Pozzo, e festa do time da Serra.

2007: vitória heroica e vaga na decisão

No Gauchão de 2007, um novo confronto mata-mata, desta vez válido pela semifinal do campeonato. Na Serra, mais uma vez o resultado foi positivo para o Caxias: 3 a 0, com gols de Juninho, Héverton e Thiago Machado. No jogo de volta, o Grêmio foi buscar uma virada histórica: 4 a 0. Os gols do Tricolor foram anotados por Patrício, Tcheco, Tuta e Diego Souza, centroavante gremista na partida do próximo sábado. 

2011: empate nos acréscimos e título nos pênaltis

Jefferson Botega / Agencia RBS
Tricolor levantou taça do primeiro turno de 2011Jefferson Botega / Agencia RBS

Assim como neste ano, o primeiro turno do Gauchão de 2011 também foi decidido em um jogo entre Grêmio e Caxias. Por conta da melhor campanha, o confronto foi disputado no Estádio Olímpico. No tempo normal, empate em 2 a 2. A vitória tricolor veio nas penalidades: 4 a 1. 

A partida ficou marcada pela polêmica dos oito minutos de acréscimos dado pelo árbitro Márcio Chagas na etapa final. O tempo decretado, considerado exagerado por direção e torcida grenás, permitiu o empate gremista aos 50 minutos.

2012: classificação grená em casa

Maicon Damasceno / Agencia RBS
Caxias deu o troco no ano seguinteMaicon Damasceno / Agencia RBS

No ano seguinte, foi a vez da vingança por parte do clube da Serra. No Centenário, os clubes empataram em 1 a 1 no tempo normal. O jogo marcou a estreia do técnico Vanderlei Luxemburgo no comando técnico gremista. Nos pênaltis, o goleiro Paulo Sérgio foi o destaque. Ele defendeu a cobrança do meia  Marco Antônio, decretando a vitória por 5 a 4.



Veja também