Reforço do Grêmio, Luciano tem média de gols superior a André, Vizeu e até Everton em 2019

Centroavante marcou 15 gols em 31 jogos pelo Fluminense no ano; na carreira, desempenho de André é melhor

27 de julho de 2019 - Às 10:09
Lucas Merçon

Falta apenas o anúncio oficial de um novo centroavante por parte do Grêmio. Luciano já viu sua rescisão contratual ser registrada pela CBF e em breve será oficialmente jogador do clube gaúcho. Comprado do Leganés, da Espanha, a nova opção para Renato Gaúcho tem média no ano superior a todos os seus agora companheiros, a quem observou já na Arena na vitória por 2 a 0 sobre o Libertad, na última quinta.

O momento de artilheiro é o que mais atraiu Renato Gaúcho e demais integrantes da comissão técnica gremista. Em 31 partidas nesta temporada, Luciano marcou 15 gols. Uma média de 0,48 gols por jogo, ou um gol a cada 180 minutos (dois jogos). Terá concorrência de André, o atual titular, e Felipe Vizeu, em recuperação de cirurgia no joelho esquerdo.

Conversamos rapidamente. Fará os exames, como está na parte física. Foi um jogador que pedi. Perdemos alguns jogadores. O Luciano se destacou no Fluminense. Espero que chegue aqui para nos ajudar (Renato)

Neste ano, os dois, homens de frente à disposição de Renato, não chegam nem perto deste aproveitamento. André marcou três gols em 29 jogos, um a cada quase 10 partidas. Vizeu tem um desempenho um pouco melhor: cinco gols em 24 jogos, um a cada cinco.

Os números de Luciano superam até a Everton, um forasteiro nesta comparação pela função exercida ser diferente dos demais. Artilheiro da temporada, tem 11 gols em 28 jogos pelo Tricolor, uma média de 0,39 gols por partida. No ano, ainda marcou três vezes pela Seleção na Copa América. Luciano marcou, inclusive, na vitória sobre o Tricolor, na Arena, por 5 a 4, aproveitando a saída errada do goleiro Júlio César.

O que pesa contra Luciano é a inconstância na carreira – os dados são do site ogol. Em 219 jogos, marcou 54 gols, o que o deixa com uma média de um gol a cada quatro jogos. No Corinthians, clube pelo qual marcou mais gols (20), precisou de 89 partidas, quase um campeonato a mais do que necessitou para chegar aos mesmos 20 gols com a camisa do Flu.

Nesta comparação, André se sai melhor do que os concorrentes. Ele fez 139 gols em 427 partidas, o que melhora seu aproveitamento de um gol a cada três partidas. Os números pessoais ganham robustez devido aos desempenhos no Santos e no Sport, em que ultrapassou a marca de 40 gols em duas temporadas por cada time. No Grêmio, ele apresenta o pior momento na carreira em clubes no Brasil: apenas sete gols em 58 jogos.

Comparativo entre as carreiras dos centroavantes

Nome Idade Jogos Gols Média Altura
André 28 anos 427 139 0,33 1,84m
Felipe Vizeu 22 anos 104 25 0,24 1,84m
Luciano 26 anos 219 54 0,25 1,80m

Felipe Vizeu tem a pouca idade e poucos minutos em campo como fator que agrava e atenua esta comparação. Ele tem pouco mais de uma centena de jogos na breve carreira. No Flamengo, manteve uma média de um gol a cada quatro jogos, aproximadamente. Mais ou menos o que atingiu no Grêmio até aqui. Apenas na Udinese não balançou a rede nenhuma vez em cinco partidas.

Sem ele, que ainda não tem data para retornar aos gramados, Renato tem apenas André para começar o jogo contra o Libertad, na próxima quinta, pela volta das oitavas de final da Libertadores – contra o CSA, na segunda, a equipe deve ser reserva. A outra opção é atuar com Diego Tardelli mais adiantado, ou ainda Luan como “falso 9”.

GloboEsporte.com fez o levantamento do desempenho em cada ano como profissional dos três atacantes. Abaixo, você confere os números que creditam cada um dos jogadores:

Luciano, 26 anos

Luciano comemora gol da vitória no Fla-Flu semifinal da Taça Guanabara — Foto: André Durão

Luciano comemora gol da vitória no Fla-Flu semifinal da Taça Guanabara — Foto: André Durão

Por temporada:

  • 2019: Fluminense (31 jogos – 15 gols)
  • 2018: Fluminense (24 jogos – 5 gols)
  • 2017/18: Panathinaikos (13 jogos – 2 gols)
  • 2016/17: Leganés (27 jogos – 4 gols)
  • 2016: Corinthians (24 jogos – 1 gol)
  • 2015: Corinthians (18 jogos – 6 gols)
  • 2014: Corinthians (47 jogos – 13 gols)
  • 2014: Avaí (5 jogos – 2 gols)
  • 2013: Avaí (23 jogos – 5 gols)
  • 2012: Atlético-GO (7 jogos – 1 gol)

Por clube:

  • Fluminense: 55 jogos – 20 gols
  • Panathinaikos-GRE: 13 jogos – 2 gols
  • Leganés-ESP: 27 jogos – 4 gols
  • Corinthians: 89 jogos – 20 gols
  • Avaí: 28 jogos – 7 gols
  • Atlético-GO: 7 jogos – 1 gol

André, 28 anos

André converteu o último pênalti do Grêmio no Gre-Nal decisivo do Gauchão — Foto: Diego Vara/BP Filmes

André converteu o último pênalti do Grêmio no Gre-Nal decisivo do Gauchão — Foto: Diego Vara/BP Filmes

Por temporada:

  • 2019: Grêmio (29 jogos – 3 gols)
  • 2018: Grêmio (29 jogos – 4 gols)
  • 2018: Sport (4 jogos – 2 gols)
  • 2017: Sport (67 jogos – 27 gols)
  • 2016/17: Sporting (15 jogos – 3 gols)
  • 2016: Corinthians (29 jogos – 6 gols)
  • 2015: Sport (34 jogos – 14 gols)
  • 2015: Atlético-MG (2 jogos – 1 gol)
  • 2014: Atlético-MG (29 jogos – 5 gols)
  • 2013: Vasco (27 jogos – 12 gols)
  • 2013: Santos (22 jogos – 6 gols)
  • 2012: Santos (21 jogos – 7 gols)
  • 2012: Atlético-MG (24 jogos – 14 gols)
  • 2011: Atlético-MG (23 jogos – 7 gols)
  • 2011: Bordeuax (8 jogos – nenhum gol)
  • 2011: Dynamo Kiev (9 jogos – nenhum gol)
  • 2010: Santos (41 jogos – 26 gols)
  • 2009: Santos (10 jogos – 2 gols)

Por clube:

  • Grêmio: 58 jogos – 7 gols
  • Sport: 105 jogos – 43 gols
  • Sporting-POR: 15 jogos – 3 gols
  • Corinthians: 29 jogos – 6 gols
  • Atlético-MG: 78 jogos – 27 gols
  • Vasco: 27 jogos – 12 gols
  • Santos: 94 jogos – 41 gols
  • Bordeuax-FRA: 8 jogos – nenhum gol
  • Diynamo Kiev-UCR: 9 jogos – nenhum gol

Felipe Vizeu, 22 anos

Felipe Vizeu é o artilheiro do Grêmio na Copa do Brasil com dois gols — Foto: Wesley Santos/Agência PressDigital

Felipe Vizeu é o artilheiro do Grêmio na Copa do Brasil com dois gols — Foto: Wesley Santos/Agência PressDigital

Por temporada:

  • 2019: Grêmio (24 jogos – 5 gols)
  • 2018: Udinese-ITA (5 jogos – nenhum gol)
  • 2018: Flamengo (11 jogos – 3 gols)
  • 2017: Flamengo (38 jogos – 9 gols)
  • 2016: Flamengo (26 jogos – 8 gols)

Por clube:

  • Grêmio: 24 jogos – 5 gols
  • Udinese-ITA: 5 jogos – nenhum gol
  • Flamengo: 75 jogos – 20 gols


Veja também