Rápido e driblador pela direita: como joga Janderson, atacante que negocia com o Grêmio

Jogador trabalhou com Vagner Mancini no Atlético-GO

25 de dezembro de 2021 - Às 09:29
Heber Gomes / Atlético-GO

O Grêmio está perto de anunciar Janderson como reforço para o ataque. O jogador, formado pelo Joinville e com passagem pelo Corinthians, disputou os dois últimos Brasileirões pelo Atlético-GO, onde foi comandado por Vagner Mancini. Ele chega com a confiança do treinador para a disputa do Gauchão, da Série B e da Copa do Brasil em 2022.

Janderson tem 22 anos e disputou 92 jogos pelo Atlético-GO, marcando nove gols e dando nove assistências. Na maior parte do tempo, o atacante foi utilizado como extrema pelo lado direito. Ou seja, na função que foi ocupada por Douglas Costa na maior parte do Brasileirão.

Janderson chegou ao Corinthians em 2019 para a categoria sub-20 e depois atuou pelo profissional. Na base corintiana, Janderson foi comandado pelo técnico Eduardo Barroca, que voltou a trabalhar com ele no Atlético-GO nas últimas temporadas. Em conversa com GZH, Barroca falou sobre as características do jogador indicado por Mancini ao Grêmio.

— Eu que levei o Janderson do Joinville para o Corinthians. Ele foi meu jogador no sub-20, depois subiu para o profissional e nos reencontramos no Atlético-GO. É um jogador que tem uma ótima capacidade de drible, de finta e improviso. Ele tem um bom aproveitamento no um contra um. É um jogador que sofre muitas faltas e pênaltis por conta disso — destacou o treinador.

Apesar de Janderson ter sido utilizado algumas vezes pelo lado esquerdo, Barroca destaca que seu melhor rendimento é no lado direito do ataque.

— Ele é um destro que jogando pela direita também tem o drible para dentro, isso é raro. Ele dribla para fora, mas também para dentro. É um jogador bastante trabalhador e competitivo. Penso que é uma contratação muito boa para o Grêmio. O Mancini conhece bem ele, o que facilita para a adaptação — completou.

O Grêmio anunciou na quinta (23) os primeiros reforços para 2022: os laterais Nicolas e Orejuela. O planejamento da direção é contratar de seis a sete atletas para a próxima temporada.



Veja também