Quase 50% dos gols sofridos pelo Grêmio em 2016 são na bola aérea

Dos 50 gols sofridos em 2016, 24 foram em bola aérea

17 de julho de 2016 - Às 21:33
Foto: Aldo Carneiro
Foto: Aldo Carneiro

O grande problema do Grêmio na temporada é a bola aérea. E esta é explicada em números. Desde o início do ano, incluindo amistoso com Danubio, o Tricolor já sofreu 50 gols, e desses, 24 foram de bola aérea. Quase metade.

Somente no Brasileirão, em 15 rodadas, o Tricolor sofreu nove gols na bola aérea dos 19 sofridos ao todo na competição. Além do Sport, a zaga gremista também sofreu com o Palmeiras (duas vezes), Fluminense, Chapecoense (duas vezes), Vitória e Santos.

Confira os gols sofridos pelo Grêmio na bola aérea. O levantamento é da Rádio Gaúcha:

– Danubio
– Brasil-PEL (duas vezes)
– Avaí
– Toluca
– São Paulo
– San Lorenzo
– Cruzeiro
– Ypiranga
– Passo Fundo
– Juventude (duas vezes)
– Rosario Central (três vezes)
– Palmeiras (duas vezes)
– Fluminense
– Chapecoense (duas vezes)
– Vitória
– Santos
– Sport (duas vezes)



Veja também