Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O empate por 1 a 1 com o Novo Hamburgo na tarde de sábado, pela 10ª rodada do Gauchão, não trouxe maiores reflexos ao Grêmio em termos de tabela. A equipe manteve a segunda colocação, agora a três pontos do líder Ypiranga, e corre pouco risco de ficar fora das semifinais.

Porém, Diego Souza saiu com problema muscular na coxa direita e evidenciou a falta de opções no grupo tricolor atual. O técnico Roger Machado lembrou que terá somente o jovem Elias como centroavante para o Gre-Nal de quarta-feira. Churín foi suspenso pela direção por 15 dias por indisciplina.

Neste momento, com as opções em um grupo muito pequeno, todos os jogadores se colocam à disposição e podem ser utilizados a partir das características que julgamos necessárias.— Roger Machado

Após quase três semanas de seu retorno ao comando do clube, Roger identificou a necessidade de reforços em todas as posições. O vice de futebol Denis Abrahão já prometeu que eles virão, sem detalhar nomes nem quantidade.

– Desde a chegada, a gente vem identificando a necessidade de qualificar nosso grupo, de aumentar em quantidade e qualidade. Tenho muitos jovens, porém, preciso qualificar em número e em algumas posições. Mas a direção está muito imbuída. Resta um mês para a competição mais importante que a gente tem no ano e vamos buscar os reforços – assegura o treinador.

O comandante tricolor busca mais opções de características diferentes para a disputa da Série B, que começa no início de abril. Ele destaca o número de volantes no elenco e o estilo de jogo semelhante entre eles.

Roger Machado conversa com o auxiliar Roberto Ribas no jogo contra o Novo Hamburgo — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Roger Machado conversa com o auxiliar Roberto Ribas no jogo contra o Novo Hamburgo — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Atualmente, são cinco jogadores que atuam preferencialmente como primeiro homem no meio de campo: Thiago Santos, Fernando Henrique, Victor Bobsin, Lucas Silva e Sarará.

– Eu tenho um grupo de volantes muito grande, seis ou sete, mas a maioria deles como primeiro homem de construção por trás da linha da bola. O Villasanti que consegue fazer o segundo homem, Bitello, com saída e entrada na área. São essas avaliações que vão definir nossa busca pelo equilíbrio na hora de marcar e jogar e também a busca no mercado – define Roger.

O Grêmio continua em segundo lugar no Campeonato Gaúcho com 18 pontos, três a menos que o líder Ypiranga. Na quarta-feira, faz o clássico Gre-Nal adiado no sábado passado. A partida está marcada para as 21h, no Beira-Rio.



Veja também