Presidente sobre o time do Grêmio: “me assusta a apatia, a falta de indignação, um pouco de vontade”

16 de fevereiro de 2015 - Às 20:17
Foto: Reprodução Google
A fase do Grêmio não é nada boa neste começo de temporada. O Tricolor já acumula duas derrotas consecutivas na Arena. E o desempenho do time nem é a principal preocupação do presidente Romildo Bolzan Júnior, e sim a apatia do time, a falta de vontade:
“Não me assusta o desempenho, me assusta a apatia, a falta de indignação, um pouco de vontade. Isso não assusta só a direção, mas também treinador e torcida. E também aos jogadores. Eles também estão assustados com não ter uma resposta de evolução técnica”, declarou o dirigente
O presidente também comentou que sabe do momento de transição da equipe e que o bom futebol não irá aparecer de uma hora para outra:
” Claro que não estou satisfeito. Mas como dirigente tenho que ter a racionalidade do momento, que é de transição. Não é um processo de rápida solução. Tem que ser dialético. Estamos no caminho certo na gestão e no elenco, sabendo que temos que reforçar. Como torcedor, queria resposta mais rápida. Mas se não tiver, não posso desistir”, comentou.


Veja também