Foto: Bruno Halpern/RBS TV

prefeito Nelson Marchezan Jr. publicou na madrugada desta sexta-feira (1º) um decreto que autoriza Grêmio e Inter a realizarem treinamentos presenciais em seus CTs. Conforme o documento, não poderá haver por enquanto qualquer contato físico entre os atletas, que, deverão manter uma distância de dois metros entre si nos trabalhos. Com a decisão, a dupla Gre-Nal deve retomar as atividades na próxima segunda-feira (4).

O modelo é semelhante ao adotado na Alemanha, primeiro país europeu de alto nível a liberar os treinos. Os atletas poderão, basicamente, realizar trabalhos físicos e aprimorar questões técnicas, como passe e chute a gol. Coletivos, rachões, dois toques ou qualquer atividade com disputa de bola está proibida neste primeiro momento.

Conforme protocolo elaborado pela CBF, os atletas não deverão utilizar os vestiários nem compartilhar objetos pessoais (como garrafas de água, por exemplo). Todos devem também ser submetidos a exames para detecção da covid-19.

Apesar da liberação dos treinos, ainda não há data definida para a retomada dos jogos. Na próxima terça-feira, a Federação Gaúcha de Futebol (FGF) enviará ao governador Eduardo Leite um protocolo com várias sugestões de medidas de prevenção para serem aplicadas nas partidas. Após apreciar o documento, o governo definirá quando o Gauchão poderá ser reiniciado. Nos bastidores, os clubes trabalham com a ideia de voltar a jogar entre o fim de maio e o início de junho. O certo é que os jogos ocorrerão, em um primeiro momento, com portões fechados.



Veja também