O Grêmio não contou com Diego Tardelli na derrota por 5 a 4 para o Fluminense, neste domingo, e dificilmente terá o atacante para o jogo decisivo de quarta-feira contra a Universidad Católica, pela Libertadores. O atacante Everton também passa a ser preocupação ao sentir dores na coxa esquerda durante a partida pela terceira rodada do Brasileirão.

Tardelli sentiu o problema no empate com o Avaí, durante a semana. Não treinou desde então no CT Luiz Carvalho e ficou fora da partida. O técnico Renato Gaúcho reconhece que dificilmente terá o camisa 9 na decisão da Libertadores.

– Sobre o tardelli eu não sei. Temos que esperar mais 24 horas, mas acho difícil. Fez exames. Detectou uma pequena lesão. Será reavaliado e aí saberemos – revelou Renato.

Diego Tardelli sentiu a lesão contra o Avaí — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Diego Tardelli sentiu a lesão contra o Avaí — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

A outra preocupação física é Everton. O atacante colocou a mão no músculo posterior da coxa esquerda ainda antes do empate gremista com Kannemann, já no final da partida. No entanto, Cebolinha permaneceu até o fim do jogo e será reavaliado nesta segunda-feira.

– O Everton ainda não deu tempo de falar. Conversarei depois. Provavelmente fará um exame e saberemos as condições dele – completou o treinador.

O Grêmio já não terá Matheus Henrique, suspenso, na quarta-feira. O Tricolor precisa no mínimo de um empate para se classificar às oitavas de final da Libertadores em segundo do Grupo H.



Veja também