A reformulação do Grêmio após a perda da Copa do Brasil respingou também na equipe. Paulo Víctor, Jean Pyerre e Pepê estão fora da lista de relacionados para a estreia da Libertadores diante do Ayacucho, do Peru, nesta quarta-feira, às 21h30, na Arena.

As ausências foram confirmadas pelo presidente Romildo Bolzan Júnior em entrevista coletiva nesta terça-feira. Por motivos diferentes. Pepê tem um problema médico, de acordo com o mandatário.

Jean Pyerre, por sua vez, já tinha perdido a vaga de titular na derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, no último domingo. O seu desfalque é devido a uma necessidade de um trabalho de recondicionamento físico.

– Pepê teve uma lesão, um desconforto. Já estava antecedente. Foi mais pela bravura contra o Palmeiras agora recuperará. Precisamos dele mais adiante. Jean Pyerre é um jogador do Grêmio, precisa um recondicionamento, precisa ser estimulado. O Grêmio sabe o que precisa fazer – disse o presidente.

Jean Pyerre e Pepê são baixas do Grêmio na estreia — Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

Jean Pyerre e Pepê são baixas do Grêmio na estreia — Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

A saída de Paulo Victor, por sua vez, não se deve a problema físico algum. O goleiro foi uma escolha de Renato Portaluppi justamente para a final no lugar do outrora titular Vanderlei. E agora sobra da lista por nova opção do treinador.

– O Paulo Victor é uma opção técnica. Não sei porque fez esta opção – disse o mandatário.

O provável time do Grêmio tem Vanderlei; Vanderson, Paulo Miranda, Kannemann e Diogo Barbosa; Maicon, Matheus Henrique, Alisson, Pinares e Ferreira; Diego Souza.

O Tricolor inicia a caminhada rumo ao tetracampeonato da Libertadores nesta quarta-feira, às 21h30, quando recebe o Ayacucho, do Peru, na Arena. A partida vale pela segunda fase do torneio.



Veja também