“Papa títulos” no Cruzeiro, fracasso no Real Madrid: como Lucas Silva chega ao Grêmio

Volante de 26 anos foi anunciado pelo Tricolor no primeiro dia de 2020. Assina por 4 anos

2 de janeiro de 2020 - Às 10:35
Foto: Vinnicius Silva / Cruzeiro

O Grêmio adentrou 2020 reforçado. O volante Lucas Silva, que estava sem clube desde setembro, foi anunciado pelo clube no fim da tarde de quarta-feira, 1º de janeiro. No momento, ele se junta ao lateral-direito Victor Ferraz como caras novas para a apresentação, daqui a uma semana.

Aos 26 anos, o jogador que pode fazer tanto a primeira quanto a segunda função do meio-campo já viveu uma montanha-russa na carreira. Revelação do Cruzeiro nos títulos brasileiros de 2013 e 2014, foi vendido ao Real Madrid no ano seguinte e então perdeu o rumo. Precisou voltar à Raposa para retomar o futebol outrora apresentado e virou “papa títulos” no time mineiro.

Lucas Silva despontou há seis anos no Cruzeiro como um dos pilares do meio-campo do técnico Marcelo Oliveira. Em 2014, chegou ao auge. Foi eleito um dos melhores da posição no Brasileirão e também recebeu o prêmio Bola de Prata, da ESPN. O sucesso levou-o ao Real Madrid, que desembolsou 15 milhões de euros (R$ 68 milhões à época).

Só que na Espanha foram apenas nove partidas disputadas e poucas chances. Em 2016, acabou emprestado ao Olympique de Marselha, onde também não vingou em 32 jogos. Tentou ir para o Sporting, de Portugal, mas não passou nos exames médicos. A saída foi retornar ao clube que o revelou, em 2017.

O volante reencontrou o sucesso com mais dois títulos seguidos pelo Cruzeiro, desta vez da Copa do Brasil. Em entrevista ao GloboEsporte.com em abril de 2019, intitulou-se “Papa títulos”.

Porém, em junho a Raposa não conseguiu renovar o empréstimo junto ao Real Madrid. Três meses depois, obteve a rescisão amigável com os espanhóis e ficou sem clube.

Confira números de Lucas Silva na última passagem pelo Cruzeiro:

LUCAS SILVA PELO CRUZEIRO

JogosGolsAssistênciasDesarmesCartões amarelosCartões vermelhos
201736125051
20184412756
201918224
Total9826149111

Fonte: Footstats

Com a camisa do Cruzeiro, ao todo são 193 jogos, com seis gols marcados. Ganhou dois Brasileiros, em 2013 e 2014, três Campeonatos Mineiros (2014, 2018 e 2019) e duas Copas do Brasil (2017 e 2018).

– Lucas Silva passou por altos e baixos no Cruzeiro nesta última passagem. Em alguns jogos, ficou no banco de reservas, sem muitas chances. Em outros momentos, como no primeiro semestre de 2018, ganhou a titularidade na equipe e esteve em campo em grande parte da campanha do título da Copa do Brasil em 2018. Começou 2019 brigando pela titularidade. No meio do ano, terminou seu empréstimo, e o Cruzeiro não teve condições de bancar a continuidade – comenta o repórter Gabriel Duarte, do GloboEsporte.com em Minas Gerais.

Sem atuar desde junho

Lucas Silva se apresenta daqui a uma semana no CT Luiz Carvalho para iniciar a pré-temporada gremista ao lado dos companheiros. Mas paira no ar a dúvida sobre seu desempenho físico. O volante entrou em campo pela última vez no dia 5 de junho, em confronto do Cruzeiro com o Fluminense pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Lucas Silva em treino físico em Madri — Foto: Divulgação

Lucas Silva em treino físico em Madri — Foto: Divulgação

De lá para cá, passou a treinar por conta própria no tempo que esteve na Europa para decidir o futuro e também em Goiás, sua terra natal, onde firmou contrato com o Grêmio. As primeiras atividades em Porto Alegre mostrarão a real condição do segundo reforço para 2020.

Mas espera-se que ele dê uma resposta rápida. Pois o técnico Renato Gaúcho dificilmente contará com os titulares Maicon e Matheus Henrique nos primeiros compromissos do ano. O primeiro deve realizar cirurgia no joelho esquerdo, enquanto o segundo foi convocado para o Pré-Olímpico com a seleção brasileira, que começa no fim de janeiro.



Veja também