Foto: Giuseppe Cacace / AFP /CP

O Grêmio vai conhecer neste sábado o seu adversário na semifinal do Mundial de Clubes. A partir das 11h (de Brasília), Pachuca, do México, e Wydad Casablanca, do Marrocos, se enfrentam em Abu Dhabi pelas quartas de final do torneio. O vencedor estará diante do time de Renato Portaluppi na próxima terça-feira, em Al Ain.

O Pachuca é um frequentador do Mundial de Clubes da Fifa. O time mexicano participa do torneio pela quarta vez e busca chegar a uma inédita final. O seu melhor desempenho até agora foi em 2008, quando foi eliminado na semifinal pela LDU. Nas duas outras participações, em 2007 e 2010, o time mexicano foi eliminado ainda nas quartas de final.

Para chegar ao Mundial de Clubes deste ano, o Pachuca venceu um duelo mexicano com o Tigres na final da Liga dos Campeões da Concacaf, ainda no mês de abril. Após empate no primeiro jogo, ganhou a segunda partida por 1 a 0. O gol foi marcado pelo argentino Franco Jara, um dos destaques da equipe e esperança de gol para o jogo deste sábado.

Outro destaque do Pachuca é o japonês Keisuke Honda, de 31 anos, que teve passagem pelo gigante Milan. Ele é a referência técnica da equipe comandada pelo uruguaio Diego Alonso. A equipe atua normalmente no esquema 4-1-4-1.

Diferente do Pachuca, o Wydad Casablanca é um estreante no Mundial de Clubes. A equipe do Marrocos chega ainda no embalo da recente conquista continental. O time foi campeão africano no dia 4 de novembro, quando derrotou o maior vencedor do continente, o Al-Ahly, do Egito, na final por 1 a 0, gol do centroavante Achraf Bencharki.

Achraf Bencharki é justamente o grande destaque do Wydad Casablanca. Foi ele o artilheiro da equipe na Liga dos Campeões da África, marcando cinco gols. Por conta do bom desempenho foi indicado para concorrer a prêmio de melhor jogador da África em 2017.

O Wydad Casablanca é treinado pelo marroquino Hussein Amotta, que costuma montar a equipe no mesmo 4-1-4-1 do Pachuca. Para aproveitar a a referência do centroavante Achraf Bencharki, o time aposta bastante nas jogadas pelo lado do campo.

Mundial de Clubes – Quartas de Finais

Pachuca

Oscar Pérez; Emmanuel García, Óscar Murillo, Omar Gonzáles, Raúl López; Jorge Hernández; Honda, Gúzman, Germán Cano, Urretaviscaya; Franco Jara.

Técnico: Diego Alonso.

Wydad Casablanca

Laaroubi; Noussir, Rabeh, Attouchi, El Hachimi; Nakach; Khadrouf, El Harti, Saldi, El Haddad; Bencharki.

Técnico: Hussein Amotta.

Local: Estádio Xeique Zayed, em Abu Dhabi (Emirados Árabes)



Veja também