Odone diz 2011 ter sido seu pior ano no futebol e promete melhorias para 2012

11 de dezembro de 2011 - Às 16:44

O ano de 2011 como todas sabem não foi nada bom para o Tricolor, e consequentemente, nada bom para a diretoria, a presidência. Paulo Odone terminou o ano com contestações da torcida após todos os vexames passados pelo Tricolor.

– O pior ano que eu tive no futebol foi este. Quero que 2012 seja o melhor. Quero me despedir do Grêmio assim – disse Odone ao jornal “Zero Hora”.

O presidente demitiu o maior ídolo da história do clube, Renato Gaúcho, arrumou um time muito limitado para a Libertadores, e com um moral baixíssimo para o Brasileirão. Leia a retrospectiva do Grêmio aqui.
Odone prometeu um time completamente diferente para o próximo ano:

– Ele terá um estilo parecido com o que o Grêmio sempre teve: um time que pegue o tempo inteiro, que não seja lento, que não jogue com a bola de pé em pé, que seja mais objetivo, que bloqueie o adversário. Todos terão que jogar e marcar. Um time de aplicação e superação.


Veja também