O que é mais importante: Contratações ou manutenção do time?

9 de janeiro de 2013 - Às 14:22

Nós Gremistas não estamos satisfeitos com as contratações do time. Isso se deve principalmente pela expectativa que foi criada, devido ao presidente Fábio Koff ter informado sobre milhões de investidores e um jogador do cofre, que ainda não chegou.

De fato, poucas contratações de peso. Para falar a verdade, somente Cris realmente será um contratado titular para a temporada toda. Mas e aí? Vamos ficar mais um ano na fila? Sem contratações vamos completar 13 anos de jejum? Pois é, mas temos que ver o outro lado da moeda.
Na minha opinião, contratar é preciso, mas manter o time é fundamental. Lembra de algum time que venceu, foi campeão apenas com grandes jogadores? Não, o time precisa estar entrosado, desde o campo até a comissão técnica. Luxemburgo ficou, Zé, Elano, Souza, Werley, entre outros. Um time que já se conhece, é primordial para o sucesso.
Vamos lembrar do time de 2007, que chegou à final da Libertadores. Estrelas? Nenhuma, apenas garra, vontade e uma torcida espetacular nos jogos dentro do Olímpico. Recentemente, podemos citar o Corinthians, que também sem grandes jogadores, soube jogar futebol, pois é um time planejado a um longo tempo. Resultado: Venceu o Chelsea.
Então, perguntamos: Quando vai chegar a nossa vez? Quando tivermos um planejamento (que de fato, já começou), com pensamento de vencer, além de um time com garra, vontade, determinação, motivação, e acima de tudo, um esquema tático que mostre a força do Grêmio. Nada de se defender sempre, já que as maiores decepções de 2012 foram devido a um time recuado e sem poder ofensivo.
Eu acredito neste time. Com uma torcida como é a do Grêmio, vamos fazer toda a diferença jogando na Arena.
Qual a sua opinião?


Veja também