Com contrato suspenso no Shakhtar Donetsk, Tetê agitou os gremistas nas redes sociais neste domingo ao postar uma foto com a camisa do Grêmio e emojis de comemoração. Seria o meia-atacante o grande reforço prometido para a disputa da Série B? A direção admite conversas com o jogador, mas garante que não há nada acertado.

Em contato com a reportagem do ge, o vice de futebol do Grêmio, Dênis Abrahão, afirmou que a postagem do meia-atacante não diz nada e que trata-se de uma negociação “muito complicada”. O dirigente, porém, não nega que há interesse em repatriar o jogador de 22 anos.

Tetê está com o contrato no Shakhtar suspenso por conta da guerra entre Rússia e Ucrânia e vive um momento de incerteza sobre seu futuro. Recentemente, o Benfica era apontado como seu provável destino, mas a negociação não evoluiu. Outros clubes europeus também teriam interesse na contratação do jogador.

A postagem de Tetê que agitou os gremistas — Foto: Reprodução

A postagem de Tetê que agitou os gremistas — Foto: Reprodução

O Grêmio procurou o jogador após a Fifa conceder uma liberação especial para que jogadores que atuam na Rússia e Ucrânia possam atuar por outros clubes pelo menos até o encerramento da temporada europeia, em junho.

Pablo Bueno, empresário de Tetê, esteve no CT Luiz Carvalho no início do mês para um encontro com a diretoria. O clube, no entanto, negou que a conversa fosse sobre Tetê e disse que o principal assunto era Ferreira, também representado pelo agente.

A direção do Grêmio está no mercado em busca de três reforços para a disputa da Série B. Após a derrota no Gre-Nal pela primeira fase do Gauchão, o vice de futebol Dênis Abrahão chegou a falar em até “duas grandes contratações”.

Tetê foi formado no Grêmio e negociado com o Shakhtar antes mesmo de estrear como profissional por cerca de 12 milhões de euros (R$ 42 milhões à época) em 2019. Ele disputou 28 partidas pelo clube ucraniano na temporada, com 10 gols marcados.



Veja também