Lucas Uebel/Grêmio

Em apenas dois jogos, Diego Souza se tornou o novo titular do Grêmio. E agora volta a atuar em um Gre-Nal, duelo que lhe dá boas recordações.

Treze anos depois de comandar a vitória tricolor por 2 a 0 em pleno Beira-Rio, palco da semifinal do Gauchão no próximo sábado, ele é o único jogador do plantel de Renato Gaúcho a ter feito gol em clássicos na casa do maior rival.

Contratado há duas semanas, o agora centroavante tem somente 115 minutos com a camisa do Grêmio em 2020. No período pouco superior a uma partida completa, são dois gols marcados. A efetividade era justamente o que o Tricolor mais procurava para o ataque.

— Eu estava praticamente improvisando o Luciano na frente porque não tínhamos um 9. Agora temos com a chegada do Diego. Foram dois jogos e dois gols, ele ainda vai subir de produção — avaliou Renato depois da derrota para o Aimoré, no último domingo.

Diego Souza já se mostra solto no elenco gremista. No treino de terça-feira, participou de uma atividade em campo reduzido com os titulares, enquanto os reservas realizaram um jogo-treino. Diego deu dois passes de categoria — e de centroavante — em tabelas curtas para gols de Everton.

— Precisamos de um grupo competitivo. Ter jogadores de qualidade nunca é demais. Pelo que li, parte da torcida estava criticando por conta da idade. E eles (Diego e Thiago Neves) estão mostrando em campo — comentou Matheus Henrique.

Boa lembrança

No Gre-Nal do próximo sábado, às 16h30, no Beira-Rio, Diego tem tudo para seguir no time. Sua presença na casa rival não será novidade.

Em 2007, na primeira passagem pelo Grêmio, o então meio-campista foi determinante em um clássico logo depois da perda do título da Libertadores.

Com a tão lendária camisa 7, anotou um dos gols do 2 a 0 pelo Brasileirão daquele ano. O resultado rompeu com uma série de quase três anos sem vitórias no Gre-Nal do lado azul de Porto Alegre. A lembrança, portanto, é a melhor possível para Diego.

A pancada da entrada da área que acertou o ângulo esquerdo de Clemer há 13 anos confere a Diego Souza uma vantagem em relação a seus companheiros do Grêmio atual. Nenhum outro jogador do elenco marcou gol contra o Inter no Beira-Rio. Os últimos e mais recentes foram feitos por Luan, agora no Corinthians, em 2018 e 2019.

O elenco gremista volta a treinar na manhã desta quarta-feira no CT Luiz Carvalho, ainda em preparação para o Gre-Nal. Depois do trabalho, o lateral-esquerdo Caio Henrique será apresentado.

O clássico de número 423, válido pela semifinal do primeiro turno do Gauchão, está marcado para as 16h de sábado, no Beira-Rio. A partida será transmitida ao vivo na RBS TV.



Veja também