Poucos minutos depois da eleição de Alberto Guerra como novo presidente do Grêmio, a nova gestão admitiu ter negociações em andamento. Uma proposta foi encaminhada para o centroavante uruguaio Luis Suárez, ex-Nacional e Barcelona, e para outros dois jogadores que atuam na América do Sul.

O ge confirmou com fontes próximas ao novo mandatário que uma oferta foi enviada para Suárez, que se despediu do clube uruguaio há 13 dias. O jogador de 35 anos tem fortes sondagens para jogar nos Los Angeles Galaxy, da Major League Soccer.

O novo Conselho de Administração do Grêmio, que tomará posse a partir da próxima quarta-feira, vê dificuldades na negociação, mas pretende intensificar os contatos com os agentes do uruguaio nas próximas horas. O atleta foi convocado e disputará a Copa do Mundo no Catar.

Luis Suárez foi o herói do título do Nacional, com os dois gols na vitória sobre o Liverpool-URU — Foto: Gastón Britos/EFE

Luis Suárez foi o herói do título do Nacional, com os dois gols na vitória sobre o Liverpool-URU — Foto: Gastón Britos/EFE

Antes mesmo do resultado da eleição, além dos contatos com Suárez, Alberto Guerra e seus pares enviaram propostas para Franco Cristaldo, do Huracán, e Felipe Carballo, do Nacional. O retorno dos empresários foi positivo. Agora, as tratativas serão diretas com os clubes.

Segundo Eduardo Magrisso, membro do novo Conselho de Administração, ambos são jogadores que têm o perfil de reforços que a gestão irá buscar para 2023. Cristaldo é meia-atacante e veste a camisa 10 do Huracán. Carballo também atua no meio-campo. Ambos têm 26 anos.

– Esses dois jogadores foram contatados por seus empresários, com a ressalva de que precisávamos ganhar as eleições. As propostas são bem realistas, dentro das expectativas dos jogadores, das expectativas dos clubes, que detém os direitos – explicou o dirigente.

– As negociações evoluem de agora em diante. Isso não se resolve em dois ou três dias. São complexas. Mas é este tipo de jogador que nós queremos. Jogador em idade média, com potencial de crescimento, de valorização. Acreditamos que essas negociações se resolvem nos próximos dias – concluiu.

Além dos jogadores, Guerra deve ir ao Rio de Janeiro depois do dia 16 para concluir as negociações com Renato Portaluppi. O nome preferido para assumir o cargo de diretor executivo é Rodrigo Caetano, do Atlético-MG.



Veja também