Nicolas viveu uma noite de garçom na vitória de virada sobre o Aimoré por 2 a 1, na noite da última quarta-feira. O lateral foi titular pela primeira vez com a camisa do Grêmio e contribuiu com duas assistências.

O desempenho de Nicolas traz uma dor de cabeça boa para Vagner Mancini. Há uma disputa aberta pela titularidade da lateral-esquerda. Diogo Barbosa, hoje dono da posição, vê o reforço ganhar pontos. O treinador já citou em entrevistas passadas o poder de marcação de Nicolas e a possibilidade de fechar como terceiro zagueiro.

– Eu estou muito feliz pela estreia como titular. Estava bem ansioso pra esse momento. Meu primeiro jogo como titular, me senti muito bem, o campo atrapalhou nosso jogo, que é de de posse de bola. Competimos, batalhamos com o adversario. A entrega valeu muito. Estamos no caminho certo. Corrigir os erros com as vitórias é muito melhor do que com as derrotas – comentou o lateral de 24 anos.Professor pede muito para ser vertical, para a gente atacar porque o que vai definir o jogo é o gol. O primeiro gol nosso foi de uma jogada bem trabalhada, pude ter um tempo pra pensar. O segundo gol eu atrasei um pouco a jogada pra esperar o pessoal chegar na área, acabei cruzando e deu certo.— Nicolas

Nicolas, lateral-esquerdo do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Nicolas, lateral-esquerdo do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Grêmio é líder isolado do Campeonato Gaúcho com 13 pontos e está invicto no torneio. São quatro vitórias e um empate. A manutenção da primeira posição dá moral ao grupo e é um dos objetivos do elenco.

– Tem que manter a liderança, brigar por ela, estamos focados nisso. A cada jogo a gente vai se entrosando mais, a gente vai desenvolvendo nosso trabalho, que está sendo bem feito aqui – finalizou Nicolas.

Grêmio volta a campo no domingo, às 19h, na Arena contra o desesperado Juventude, que briga contra o rebaixamento. Vagner Mancini vai escalar o que tem de melhor. O goleiro Brenno receberá nova oportunidade, enquanto Campaz segue fora.



Veja também