Já nas primeiras palavras do novo reforço gremista se pode perceber a vontade do jogador em estar no Grêmio. Com a camisa 30, Nicolas fala em dar a vida na Série B pelo clube e afirma não ser atleta que faz “cara feia” se não jogar. Em campo ou não, quer ajudar o clube a voltar à elite do futebol brasileiro.

Indicado por Vagner Mancini, Nicolas chega em Porto Alegre para, segundo o próprio jogador, o maior desafio da sua vida. Ao longo da sua apresentação, o lateral fez questão de ressaltar sua felicidade em chegar ao clube gaúcho e promete dedicação diária em busca do objetivo principal na temporada.

– A Série B é dificil, o Grêmio não é acostumado a jogar e nem vai se acostumar. Todos que vierem contra nós darão a vida. Temos que entrar bem e cada jogo sair com os tres pontos – já projetou Nicolas.

Nicolas é apresentado no Grêmio e recebe a camisa 30 — Foto: Lucas Uebel/Divulgação/Grêmio

Nicolas é apresentado no Grêmio e recebe a camisa 30 — Foto: Lucas Uebel/Divulgação/Grêmio

O lateral chegou na capital do Rio Grande do Sul nesta última semana e já participa das primeiras atividades na pré-temporada do Grêmio. Aos ser questionado sobre os motivos que o levou a se transferir pro Grêmio para atuar na Série B, Nicolas não titubeou.

– É uma camisa vencedora, um clube de tradição, que sempre ganhou muito títulos. Quando veio o convite não pensei duas vezes. É um ano diferente, cada jogo é uma final e todos aqui estão focados para no final do ano conseguir o objetivo – afirmou.

Vou dar minha vida pelo Grêmio, por meus companheiros, para no final comemorar. Vou me entregar a cada dia nesse clube, que vai ter todo meu amor.— Nicolas

Lateral-esquerdo Nicolas usará camisa 30 no Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Lateral-esquerdo Nicolas usará camisa 30 no Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Na última temporada o jogador defendeu o Athletico-PR e, por ser um lateral com características defensivas, durante boa parte do ano foi aproveitado como zagueiro. De volta com Mancini, a tendência é que Nicolas volte a jogar como lateral-esquerdo.

Na posição, Nicolas terá a disputa com Diogo Barbosa O concorrente, inclusive, terminou a temporada 2021 como titular. Portanto, o novo reforço terá a pré-temporada pela frente para cavar um espaço entre os onze inciais. Mas, não vê problemas mesmo que seja opção.

– Chego com disposição, vontade de vencer, com sede de ganhar, de vir trabalhar todos os dias e poder ajudar meus companheiros. Questão de jogar vai ficar a critério do treinador. Independentemente de quem jogar, vou apoiar. Não sou um jogador que não fica de cara feia se não jogo. Viemos para conquistar o objetivo e vamos em busca disso até o final – reiterou Nicolas.

O camisa 30 do chega ao Grêmio por empréstimo até dezembro deste ano. Aos 24 anos, o Tricolor será seu quarto clube na carreira. É a segunda vez que Nicolas trabalha com Mancini. Em 2020, também foi comandado pelo treinador no Atlético-GO.

Além da polivalência, apesar da pouca idade, o lateral agrega ao grupo do Grêmio um perfil de vencedor, com alguns títulos colecionados na carreira. A maioria das taças foram pelo Athletico-PR, a última foi a da Sul-Americana, pelo Furacão.

Ficha técnica:

  • Nome: Nicolas Vichiatto da Silva
  • Posição: lateral-esquerdo
  • Nascimento: 24/02/1997, em Arapongas/PR
  • Clubes anteriores: Athletico (2016) , Ponte Preta e Atlético-GO
  • Títulos: Campeão Paranaense 2016 e 2018, Campeão da Copa Sul-Americana 2021 e Campeão Goiano 2019 e 2020

*Colaborou João Victor Teixeira



Veja também