A noite de domingo definirá o futuro do técnico Tiago Nunes no comando do Grêmio. O duelo com o Atlético-GO, pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro, pode ser o último capítulo do treinador no cargo. Lanterna com dois pontos, o clube gaúcho não esconde a probabilidade de mudanças caso não vença na Arena.

Desde a derrota para o Juventude, na quarta-feira passada, a pressão sobre o comandante gremista está quase insustentável. A diretoria deu um voto de confiança a Tiago, mas também deixou claro nas entrevistas a necessidade de vitória para continuar no cargo.

É justamente esse o ponto principal do jogo com o Dragão. Houve, também, por parte da torcida, promessa de novos protestos caso não haja vitória neste domingo. Mais um peso para os 90 minutos, portanto.

Ainda no Alfredo Jaconi e depois em novas conversas do Conselho de Administração definiu-se por mais uma chance para o treinador. Mas há integrantes da diretoria que defendiam a mudança antes mesmo do jogo deste domingo.

Maurício Saraiva analisa momento de Tiago Nunes no Grêmio

A partida contra o Atlético-GO será a última chance para a comissão técnica mostrar durante os 90 minutos todo o trabalho feito diariamente. A avaliação é positiva do nível dos treinos diários no CT Luiz Carvalho. Mas isso não tem se refletido em campo, nem gerado resultados.

E a dificuldade não vai desaparecer mesmo em caso de vitória. Pela sequência ruim e zona na qual se encontra na tabela, o Grêmio precisa de uma série de bons resultados. E depois do Atlético-GO, o Tricolor tem Palmeiras, Gre-Nal e LDU, pela Copa Sul-Americana, pela frente.

Uma das medidas será realizar mudanças no time. Arquivado desde o empate sem gols contra o Brasiliense, pela Copa do Brasil, Jean Pyerre ressurge na equipe titular com a missão de dar mais dinâmica ao meio-campo, um dos setores mais criticados nos últimos jogos – em seis jogos, foram quatro formações diferentes. Ele entra na vaga de Darlan e formará o trio com Matheus Henrique e Victor Bobsin.

Na defesa, o goleiro Brenno, recuperado de Covid-19, o zagueiro Kannemann, que estava suspenso, retornam. Tiago Nunes chegou a cogitar sacar Rafinha e Diego Souza, até pela sequência de jogos como titular, para as entradas de Vanderson e Ricardinho, mas vai manter os mais experientes.

O jogo com o Atlético-GO ocorre às 20h30. Com apenas dois pontos, o Grêmio já sabe que vai encerrar mais uma rodada na zona de rebaixamento, já que a distância para o Sport, 16º colocado, é de quatro pontos. Resta saber se com Tiago Nunes ou não.



Veja também