Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação

Apresentado na sexta-feira (15), Vagner Mancini fará sua estreia como técnico do Grêmio neste domingo (17), às 18h15min, na Arena, já em uma decisão. O Tricolor receberá o Juventude para um confronto direto na briga contra o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. 

Tendo tido apenas dois treinamentos com os novos comandados, Vagner Mancini tentará  mais na conversa conduzir o Grêmio a uma reação no Campeonato Brasileiro. Para isso, o treinador contará com reforços em relação ao plantel que o interino Thiago Gomes teve à disposição na derrota para o Fortaleza, na última quarta-feira, no Castelão.

Douglas Costa, Rafinha e Thiago Santos, que cumpriram suspensão no Castelão estão novamente disponíveis. Outro que deve poder atuar neste domingo é Mathias Villasanti, ausente dos últimos três compromissos do Tricolor no Brasileirão porque estava com a seleção paraguaia na disputa das Eliminatórias. Por outro lado, o zagueiro Ruan é desfalque após ter levado o terceiro cartão amarelo em Fortaleza.

Sem Ruan e com Geromel ainda no departamento médico, Vagner Mancini deverá promover o retorno do sistema com linha de quatro defensores. Em seus últimos trabalhos, no Corinthians e no América-MG, o treinador até usou formações com três zagueiros, mas o 4-2-3-1 foi o sistema preferencial na maior parte do tempo, sempre tendo um meia armador pela caixa central, o que deve dar oportunidade para Jean Pyerre ou Campaz iniciar a partida deste domingo. Douglas Costa deve ocupar o lado direito do ataque com Ferreira e Alisson brigando pela vaga na esquerda. 

É justamente no comando de ataque que está o maior desafio de Vagner Mancini para a estreia. Sem Miguel Borja, lesionado, suas opções ficam entre os experientes Diego Souza e Diego Churín, ambos tendo apresentado baixo rendimento nos últimos jogos, e o garoto Elias, que estreou no Brasileirão na última quarta-feira atuando apenas nos oito minutos finais da partida. 

O Juventude é adversário direto do Grêmio na briga para sair do Z-4. Atualmente 15º, o time de Caxias do Sul tem a mesma pontuação do 16º, o Santos.



Veja também