Michel aponta diferenças, mas minimiza dificuldades com escalação de Barrios

Argentino pode atuar neste domingo contra Veranópolis

18 de março de 2017 - Às 17:40
Foto: Lucas Uebel

O volante Michel admitiu que deve haver “bastante diferença” na maneira do Grêmio atuar se o argentino Lucas Barrios for escalado para jogar neste domingo contra o Veranópolis pela oitava rodada do Gauchão. Em coletiva após o treino da manhã deste sábado, o atleta disse que “Barrios é um jogador mais fixo, já o Bolaños (suspenso) se movimenta bastante. Mas eu acho que não vai ter problema algum, que ele vai dar conta do recado”, declarou o atleta.

Segundo Michel, se Renato Portaluppi optar pela entrada do Barrios, o elenco vai atuar de uma forma que não está acostumado. “Na minha função não muda muita coisa, mas do meio para a frente pode mudar. Por exemplo, a bola aérea é uma opção a mais, mas o esquema é o mesmo, tem que valorizar a posse da bola”, argumentou.

Nessa sexta, apesar de não confirmar que Lucas Barrios será titular, o técnico Renato Portaluppi revelou que conversou com o elenco sobre a mudança na forma de atuar da equipe com a presença do centroavante. “Tenho 21 jogadores concentrados e qualquer um pode começar, inclusive o Barrios. A formação vocês vão saber 45 minutos antes”, disse Renato logo na sua primeira resposta. O treinador, porém, destacou o que ganha com a presença de Barrios em campo.



Veja também