Marcelo Grohe é o terceiro goleiro com mais vitórias em pênaltis pelo Grêmio

O goleiro fica atrás somente de Dida e Gomes

24 de agosto de 2017 - Às 15:47
Foto: Agência Estado

Nas disputas de pênaltis contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil, que resultaram na eliminação da equipe gremista, Marcelo Grohe defendeu dois pênaltis seguidos, dando ‘vida’ ao Grêmio na disputa. Marcelo tem aproveitamento superior ao de Mazaropi e Danrlei, ídolos – assim como ele -, do tricolor.

Nos últimos 4 anos, Grohe participou de 7 disputas, saindo em 4 delas vitorioso. Sua primeira disputa foi contra a LDU, na Arena, quando defendeu um pênalti que resultou na classificação da equipe para a fase de grupos da Libertadores. Em sua segunda disputa, não defendeu nenhuma e o time acabou sendo eliminado, na Arena, para o San Lorenzo. No Gauchão 2015, defendeu três cobranças de pênalti do Novo Hamburgo, que resultaram na classificação do tricolor na competição. Ainda no mesmo ano, mas pela Copa do Brasil, Grohe defendeu duas cobranças contra o Criciúma, fora de casa, resultando na classificação da equipe. Em 2016, defendeu dois pênaltis contra o Atlético-PR, na Arena, que resultaram na classificação para as quartas da Copa do Brasil, na edição que o tricolor foi pentacampeão. Este ano, defendeu um na eliminação contra o Novo Hamburgo pelo Campeonato Gaúcho e defendeu dois na eliminação contra o Cruzeiro, nas semifinais da Copa do Brasil.

Grohe tem 57% de aproveitamento, em vitórias, ficando atrás somente de Dida e Gomes, ambos com 66,7%. Quanto a defender pênaltis, Marcelo tem u, ótimo aproveitamento, tendo defendido 20,9% das cobranças, enquanto Dida e Victor defenderam 20% e 21,7%, respectivamente, das cobranças de pênalti.

 

 

 



Veja também