Lamentável: Torcida do Grêmio comete ato de racismo na Arena

29 de agosto de 2014 - Às 01:09
(Foto: Diego Guichard)

Como se não bastasse ser derrotado em casa pelo Santos por 2 a 0 pela partida de ida das Oitavas da Copa do Brasil, há ainda mais um episódio para se lamentar.

Um grupo de torcedores do Grêmio cometeu racismo sobre o goleiro Aranha durante a partida. O mesmo desabafou na saída de campo:
“Eu estava no gol, a torcida xinga, pega no pé, é normal. Mas começaram com palavras racistas, chamando de preto fedido. Fizeram chorinho de macaco.”
E completou:
“Fico nervoso mesmo quando essas coisas acontecem, é algo que dói. Quando me chamaram de macaco, de preto, bati no braço e disse que sou preto sim. Não são todos, mas sempre tem um racista. Está dado o recado, para ficarem espertos para a próxima partida (na Arena). No futebol, a gente sabe que o torcedor usa de várias maneiras para desastibilizar o jogador”
Conforme informações, o árbitro colocou na súmula da partida e o Grêmio deve ser punido por tal ato de seu torcedor.


Veja também