Kléber marca e Grêmio vence o São Luiz no Olímpico

2 de fevereiro de 2012 - Às 23:27
Pela 4ª Rodada do Gauchão, o Grêmio recebeu o São Luiz, de Ijuí, e venceu pelo placar magro de 1 a 0, graças a gol de Kléber, no primeiro tempo. Com o resultado, o Grêmio chegou aos seis pontos, mas ainda está fora da zona de classificação para a segunda fase. A partida foi fraca tecnicamente, de poucas chances de gol, mas o Grêmio sempre controlou a partida e pouco correu risco de sofrer gol.

A partida começou com as duas equipes se estudando, mas o Grêmio aparecendo mais no campo de ataque. A primeira chance veio aos seis minutos. Após lançamento longo, Kléber dominou na entrada da área e bateu de virada, mas a bola foi pela linha de fundo. O jogo era bastante fraco, até que em um belo lançamento de Marquinhos aos 27 minutos,  Leandro recebeu na área, caiu e o árbitro marcou pênalti, que não existiu. Kléber bateu fraco, e o goleiro espalmou.
Quatro minutos mais tarde, Mário Fernandes chutou forte, e o goleiro espalmou. Aos 40, após boa jogada, Leandro tocou para Marco Antônio, que bateu livre de dentro da área, mas acertou a zaga.
Um minuto mais tarde, Marcelo Moreno deu um passe espetacular, de letra, para Kléber, que ficou na cara do gol e bateu no canto, abrindo o placar. Até o fim do primeiro tempo nada mais aconteceu.
No segundo tempo, já com gramado molhando devido a fraca chuva, o time do São Luiz começou tentando chutes de fora da área. Aos 12 minutos, Marcelo Moreno recebeu belo lançamento e cruzou na segunda trave, mas Kléber não alcançou, livre, por muito pouco.

Aos 27, o Grêmio teve duas chances seguidas com Kléber e Marco Antônio, mas o goleiro defendeu em ambas as tentativas. No ataque seguinte, foi a vez de Marcelo Moreno bater de fora da área e fazer Vanderlei fazer grande defesa. O time do interior busca chutes de fora da área, mas Victor defendeu em chutes de Danilo aos 34, e Kim aos 37. O Grêmio assegurou a posse de bola até o fim da partida.

Jogando em casa, o Grêmio foi muito pacífico, não pressionou, não encurralou o adversário. Venceu, mas não convenceu.

Confira o gol de Kléber, da vitória Gremista:



Veja também