Foto: Agência Estado

Grêmio e Lanús terão desfalques no jogo de volta da final da Libertadores, na próxima quarta-feira, na Argentina. O time gaúcho, que jogará por um empate após vencer o jogo de ida por 1 a 0, não contará com Kannemann no estádio La Fortaleza. Os argentinos, por sua vez, perderam Braghieri.

Os dois estavam pendurados com dois cartões amarelos. Kannemann foi punido ainda no primeiro tempo. Aos 40 minutos, o defensor acabou advertido após confusão com Rolando García Guerreño dentro da área. No lugar de Kannemann, Bressan é o favorito para ser o parceiro do capitão Pedro Geromel em Lanús.

Já nos acréscimos da etapa final, foi a vez de Jorge Almirón ganhar um desfalque. Braghieri levou amarelo após falta em Jael. O cartão, no entanto, só veio após um minuto da falta ocorrida e muita reclamação dos gremistas.

Com o resultado, o Grêmio será tricampeão da América com empate na Argentina. Vitória a partir de dois gols de diferença dá o título para o Lanús. Caso os argentinos vençam por um gol de diferença, a final irá para os prorrogação. Se a igualrde persistir, o campeão será decidido nos pênaltis.

A partida de volta ocorre na próxima quarta-feira, às 21h45, em La Fortaleza, em Lanús. Antes, no entanto, o time gaúcho recebe o Atlético-GO pelo Brasileirão. O confronto será disputado às 17h de domingo, na Arena, em jogo pela 37ª rodada.



Veja também