Lucas Uebel / Grêmio FBPA

A exemplo do que ocorreu no último domingo (19), os profissionais do departamento de futebol do Grêmio realizam na manhã desta sexta-feira uma nova rodada de testes do método RT-PCR para detecção da covid-19.

Na testagem que antecedeu o clássico Gre-Nal, das 81 coletas realizadas apenas uma teve resultado positivo, a do lateral-esquerdo Bruno Cortez, conforme revelado pelo técnico Renato Portaluppi.

Desde o início da pandemia, o Grêmio teve quatro atletas confirmados com coronavírus. Além de Cortez, Diego Souza foi outro que teve seu nome revelado. Os outros dois não foram divulgados pelo clube, seguindo um pedido que pode ser feito pelo paciente.

Assim como no Gre-Nal, a definição da equipe que enfrentará o Ypiranga, domingo (26), no CT Hélio Dorado, em Eldorado do Sul, passará pelo treinamento desta tarde de sexta e pelos resultados da testagem, que faz parte do protocolo de jogos do Gauchão, estabelecido pela Federação Gaúcha de Futebol, que determina que as equipes precisam se submeter a testes antes de cada rodada.

O grupo de jogadores gremista está concentrado desde a última segunda-feira, no Hotel Deville, em Porto Alegre. Os atletas só deixam o local para treinar e jogar. Todos permanecerão seguindo esta regra até o fim da fase atual do Gauchão – quando o Tricolor enfrenta o Novo Hamburgo pela sexta rodada, no dia 29.

Desde o retorno das atividades do futebol, em maio, o Grêmio já realizou 568 testes – incluídos os que foram feitos antes do Gre-Nal.



Veja também