Há 3 jogos sem marcar gols, Grêmio tem maior seca no comando de Roger

Tricolor não marca gols há três jogos e perdeu o posto de melhor ataque do país para o Fortaleza

18 de maio de 2016 - Às 12:06
Foto: Lucas Uebel
Foto: Lucas Uebel

O empate de 0 a 0 com o Corinthians retomou a confiança do setor ofensivo, que voltou a ficar uma partida sem sofrer gols após ter sofrido em 4 consecutivos. Porém, outro problema surgiu: a falta de gols do ataque. O Tricolor alcançou seu maior jejum de gols com o técnico Roger no comando.

O Grêmio não marca gols há três jogos e de quebra, deixou de ser o melhor ataque do país, dando ao Fortaleza, que está na Série C, o posto de time mais ofensivo do Brasil até agora. Os cearenses têm 54 gols anotados em 29 jogos, com média de 1,8 gol por partida. O Tricolor surge na vice-liderança,com 49 tentos em 27 jogos e média de 1,6 por duelo.

Caso não marque gol diante do Flamengo no domingo, o Tricolor chegará a marca de um mês sem balançar as redes adversárias. A última vez em que marcou foi na vitória sobre o Juventude por 3 a 1. Após isso, duas derrotas para o Rosário (1 a 0 e 3 a 0) e o empate (0 a 0) com o Corinthians.

Resumindo, são 303 minutos sem marcar gols. Em um total de 70 jogos com Roger no comando, o Tricolor não havia passado mais de dois jogos sem marcar. Porém, não foi por falta de tentativas nos três confrontos, principalmente diante do Corinthians, que o Tricolor poderia ter marcado. Foram ao menos três boas chances.

No próximo domingo, o Grêmio encara o Flamengo às 16h, na Arena.



Veja também